Aurora Alimentos e Sebrae ampliam programa de competitividade

Publicado em: 12 junho - 2018

Leia todas


Após o sucesso em Santa Catarina, o programa Encadeamento Produtivo Cooperativa Aurora Alimentos – Sebrae: suínos, aves e leite está sendo expandido para o Rio Grande do Sul, o Paraná e o Mato Grosso do Sul.  O projeto tem por objetivo contribuir com a melhoria dos índices de produtividade e competitividade, promovendo a inserção de pequenos negócios em cadeias de valor de grandes empresas por meio de relacionamentos cooperativos.

 

De acordo com Renato Perlingeiro Salles Junior, coordenador do Programa Nacional de Encadeamento Produtivo do Sebrae Nacional, os ganhos de produtividade e de qualidade foram, entre outros aspectos, o que motivaram a expansão. “Neste projeto a propriedade rural é vista como uma empresa, levando aos empresários técnicas de gestão, inteligência em negócios e trabalho em rede, tendo em vista a melhoria do desempenho em toda a cadeia.”  Enio Albérto Parmeggiani, coordenador regional oeste do Sebrae/SC, acrescenta: “A evolução ao longo deste período é expressiva. O planejamento, a melhoria da gestão, a implantação de novas tecnologias de produção e processos inovadores permitiram a elevação do grau de competitividade das cadeias de suínos, aves, leite e complementares. Isso acontece porque houve incorporação de boas práticas de gestão empresarial no campo e aplicação das tecnologias e desenvolvimento dos padrões necessários para atender as demandas de mercado”.

 

O Encadeamento Produtivo Aurora Alimentos – Sebrae: suínos, aves e leite é desenvolvido em Santa Catarina com as parcerias do Senar/SC, Sescoop/SC, Sicoob, Fundação Aury Luiz Bodanese, Cooperalfa, Itaipu, Auriverde, Coolacer, Copérdia, Caslo, Cooper A1, Coopervil e Cooper Campos. No Rio Grande do Sul, já conta com a parceria da Alfa, A1 e Copérdia, e os parceiros do SICREDI/RS. No Paraná, podem participar as cooperativas Alfa, Copérdia, Camisc, Cocari, e em Mato Grosso do Sul, a Coasgo e a Alfa.



Publicidade