Contratos assinados com agentes financeiros para setor cafeeiro já somam R$ 2,65 bilhões

Publicado em: 29 junho - 2020

Leia todas


O governo vem mantendo empenho em garantir apoio ao setor, especialmente, nesse momento de pandemia

O Fundo de Defesa da Economia Cafeeira (Funcafé) já assinou contratos com 14 dos 31 agentes financeiros habilitados a operacionalizar os recursos da safra 2020/2021.

Os recursos disponibilizados com esses bancos e cooperativas de crédito representam R$2,65 bilhões do total do orçamento de R$ 5,7 bilhões para a temporada. Foram destinados R$ 817 milhões para Custeio, R$1,54 bilhão para Comercialização (incluindo FAC), R$ 302 milhões para Capital de Giro e R$ 6 milhões para Recuperação de Cafezais.

Os recursos contratados já estão disponíveis para desembolso aos agentes financeiros.

Resolução Bacen 4.827/2020 definiu as taxas de juros em 6% para Custeio, Comercialização, Financiamento para Aquisição de Café (FAC) para cooperativas e 7,5% para FAC para indústrias e Capital de Giro para operações contratadas a partir da próxima quarta-feira (1º de julho).

“O governo federal vem mantendo empenho em garantir apoio ao setor cafeeiro, especialmente, nesse momento de pandemia, com todas as implicações financeiras e sociais, com o financiamento que reduzam essas dificuldades”, salienta o diretor de Comercialização e Abastecimento da Secretaria de Política Agrícola,Sílvio Farnese.


Fonte: Mapa


Notícias Relacionadas

Projeto-piloto quer estimular a contratação de seguro rural entre enquadrados no Pronaf

Mercado em alta

Cooperativa de jovens Vi Café: a paixão pelo melhor café



Publicidade