Couro brasileiro obtém primeiro selo Ouro 

Publicado em: 04 Abril - 2018

Leia todas


O setor coureiro do Brasil tem um novo referencial histórico no campo da sustentabilidade: o primeiro reconhecimento em Nível Ouro da Certificação de Sustentabilidade do Couro Brasileiro (CSCB) foi entregue recentemente ao Curtume Courovale by BCM, de Portão (RS). Esta é a segunda empresa certificada em 2018 (a primeira foi Fuga Couros, com nível Prata), atestando suas melhores práticas no tripé economia, sociedade e meio ambiente, de acordo com a norma ABNT NBR 16.296, auditada por meio de organismo acreditado pelo INMETRO.

Couro brasileiro obtém primeiro selo Ouro (Foto: senivpetro/Freepik)

Couro brasileiro obtém primeiro selo Ouro (Foto: senivpetro/Freepik)

Para os próximos três anos, há um cronograma de auditorias, avaliações e recertificação dentro da empresa para a manutenção do nível Ouro ou alcance do Nível Diamante, assegurando o compromisso de Courovale com o aprimoramento de processos. Atualmente, 18 curtumes do Brasil estão em processo para chegar à auditoria de verificação do atendimento à normal (ABNT NBR 16296 – Couros – Princípios, critérios e indicadores para produção sustentável).

Internacionalização – Além de ser a primeira empresa certificada no nível Ouro do CSCB, Courovale também é a primeira certificada após a assinatura de um acordo de parceria firmado entre Brasil e Itália para certificações. O documento foi firmado em Hong Kong, na véspera da feira APLF (a maior do setor), entre CSCB e ICEC (o Instituto Italiano de Certificação de Qualidade para o Setor de Couros), com grande repercussão da mídia especializada. O acordo faz o reconhecimento mútuo das certificações, o que deve promover ainda mais os curtumes certificados no cenário internacional.

A Certificação de Sustentabilidade do Couro Brasileiro (CSCB) foi construída pela cadeia que integra a indústria de couros do país e é apoiada pelo projeto Brazilian Leather – uma iniciativa do CICB e da Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil) para o incentivo à participação do couro do país no mercado externo. O CSCB  promove e reconhece as melhores práticas dos curtumes no que tange resultados econômicos, redução de impacto ambiental e relações com colaboradores e comunidades. São 173 indicadores a serem trabalhados pelas empresas inseridas no CSCB, tais como:

– redução de consumo de água
– redução de consumo de energia
– controle de qualidade de produtos
– origem da matéria-prima
– substâncias restritas
– saúde e segurança do trabalhador

Como obter a certificação – Após a adesão ao CSCB, cada empresa passa por uma etapa de consultoria e treinamento, em que são trabalhados os 173 indicadores. A consultoria instrui e verifica o atendimento, registro e continuidade de cada indicador e, com esta etapa concluída, o curtume pode solicitar auditoria de um organismo acreditado pelo INMETRO para a certificação. Há quatro níveis do selo:
– Bronze (para quem atender até 50% dos indicadores aplicáveis de cada uma das quatro dimensões da certificação)
– Prata (75%)
– Ouro (90%)
– Diamante (100%).



Publicidade