Benefícios Sociais


Em qualquer canto do mundo, as cooperativas são respeitadas porque promovem o desenvolvimento com benefícios sociais.

O reconhecimento é ainda maior em países desenvolvidos. Nos Estados Unidos, Canadá, Japão e em nações da União Europeia, por exemplo, mais de 50% da população participa de cooperativas.

Por não visarem ao lucro, as cooperativas distribuem melhor a renda, contribuindo para maior justiça social. Aqui no Brasil, com auxílio de uma pesquisa da Universidade de São Paulo, provou-se que o Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) é melhor em municípios que contam com atuação de cooperativas.

Por tudo isso, a Organização das Nações Unidas (ONU) determinou 2012 como o Ano Internacional das Cooperativas.