Associado Cresol triplica produção com verba do Pronaf


CREDICOOP


Após abandonar a suinocultura para investir na produção de filés de tilápia, o associado da Cresol Rio Fortuna, Edson Schuelter, comemora os resultados: no início de 2017, com recursos disponibilizados por meio do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf) por meio da cooperativa, ele investiu em equipamentos que automatizam o processamento da carne no frigorífico de sua propriedade. Com isso, a produção, que era de uma tonelada por semana, passou para três. “Tínhamos uma boa produção de peixe, mas só criávamos e destinávamos para o frigorífico. Precisávamos agregar mais valor ao nosso produto”, comenta o produtor.

Associado da Cresol desde 2011, Schuelter recorreu à Cooperativa pelas facilidades que oferece. “A principal é a facilidade de conversa. Aqui todo mundo se conhece. Se fosse num banco seria bem mais complicado”, conta. O financiamento possibilitou que ele agilizasse o desejo de aumentar a produção. Antes disso já havia recorrido à Cresol para adquirir novos equipamentos para os açudes da propriedade. Já para o futuro pretendem conseguir o Selo de Inspeção Estadual.

Um pouco de história –  A opção pela piscicultura foi feita em 1992. No começo vendiam peixes vivos para os pesque pagues da região. Depois passaram a vender o peixe para frigoríficos, até que, há dois anos, a família Schuelter montou um frigorífico de peixe na propriedade. Edson, a esposa Teresinha Maria Preis e os três filhos trabalham na propriedade. Ele, mais um filho, cuidam dos açudes. Teresinha e os outros dois tocam o frigorífico. Por ano, são abatidas 150 toneladas de peixes.



Publicidade