SNCC expõe sua força e mostra resultados

Publicado em: 07 Maio - 2018

Leia todas


Durante os cinco dias da 25ª Agrishow – realizada em Ribeirão Preto (SP), de 30 de abril a 4 de maio de 2018 – o Sistema Nacional de Crédito Cooperativo esteve representado pelos dois maiores sistemas – Sicoob e Sicredi – mostrando sua força e comprovando, com volume de negócios protocolados, o poder econômico do cooperativismo financeiro e seu suporte ao produtor rural.

Juntos, os dois sistemas disponibilizaram mais de R$ 360 milhões aos associados interessados em fazer aquisições de máquinas e equipamentos expostos na Agrishow 2018.

O Sicoob, segundo Henrique Castilhano Vilares, presidente do Sicoob Confederação, teve como meta movimentar R$ 250 milhões em operações financeiras, volume R$ 108 milhões acima do montante realizado na feira de 2017: “A Agrishow é uma vitrine para levar para o Brasil todo o nosso sistema, que é o sexto maior em patrimônio líquido em âmbito nacional quando comparado com os bancos comerciais”, destacou.

Henrique Castilhano Vilares, presidente do Sicoob Confederação junto com o jogador Falcão, novo garoto propaganda do Banco (Foto:Divulgação)

Informações fornecidas por Ismael Perina Júnior – diretor do Sicoob SP – logo após o encerramento da 25ª Agrishow, sinalizam que as metas foram atingidas, “apesar de ainda não termos o resultado final, porque algumas das cooperativas participantes somente terão seus números fechados nos próximos dias. As perspectivas são de que a meta inicial foi atendida e, com isso, a equipe presente ao evento obteve resultado comercial muito bom para as cooperativas e para os cooperados, pois, como trabalhamos com taxas bem inferiores ao mercado financeiro, proporcionamos aos cooperados desembolsos menores para ter os mesmos produtos”.

O Sicredi, por sua vez, foi para a Agrishow 2018 com linha de financiamento de R$ 100 milhões, contra R$ 26 milhões de 2017. E as perspectivas são animadoras de acordo com Gilson Nogueira Farias, gerente de Desenvolvimento da Central Sicredi PRT/SP/RJ: “Estamos saindo da Agrishow 2018 com mais de 250 protocolos de financiamento de maquinários quer totalizam R$ 113 milhões. Esse resultado é decorrente da expansão do Sistema Sicredi no Estado de São Paulo, com abertura de novas agências e consequente aumento do número de associados, fazendo, assim, a marca se tornar mais conhecida, e o diferencial do cooperativismo se tronar mais e mais claro”, comentou, aliando a esses pontos a participação da Central Sicredi Centro Norte, sediada em Cuiabá (MT), e que participou do estande com seis gerentes da carteira Agro, “atendendo os clientes do Mato Grosso que vêm à Agrishow”.

Reconhecimento – Os resultados acima do esperado corroboram conquistas do Sicredi junto ao Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social relativas à fevereiro de 2018, quando o Sistema foi destacado pelo ranking de desembolsos do BNDES – que identifica o desempenho das instituições financeiras nas operações em que o BNDES participa no repasse de recursos por meio de um agente financeiro credenciado – em diversas categorias: 1ª posição nas linhas agro, 7º lugar em operações indiretas, subindo quatro posições em relação ao ano passado, e 1ª posição em operações indiretas para pessoa física, ante a 4º colocação registrada em 2016.

De acordo com Jaime Basso, vice-presidente da Central Sicredi PR/SP/RJ, os volumes movimentados pelo sistema cooperativo de crédito no agronegócio situam o Sicredi “como a terceira maior instituição financeira em crédito rural do País”. Nos últimos três anos, o Sicredi também foi reconhecido pelo BNDES “como o agente financeiro com o maior volume de operações de investimento contratadas no âmbito do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf) e um dos agentes financeiros que mais liberou volume de crédito no Plano Safra”, lembrou.

Para o Plano Safra 2017/2018, segundo Silas Souza, gerente de Crédito Direcionado do Banco Sicredi, “até março, liberamos R$ 14,08 bilhões, com ticket médio de R$ 72 mil por operação, comprovando nossa vocação no Agro e, mais especificamente, na agricultura familiar: cerca de 18% dos associados do Sicredi têm ligação com o agronegócio e cerca de 90% desse total utiliza recursos do Pronaf (Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar).  A atuação nesse segmento é tão representativa que a instituição foi reconhecida como o agente financeiro com o maior volume de operações de investimento contratadas pelo Programa no ano agrícola 2016/2017. No período, o Sicredi liberou mais de R$ 672 milhões em 12.497 operações”.

Visitas – No Sicoob, além do volume de crédito disponibilizado para Agrishow 2018, Perina destaca a oportunidade de, durante o evento, promover a marca e fazer marketing. Como exemplo cita visitas de personalidades do cenário político e esportivo. Além de diversos candidatos às eleições de 2018, o estande do sistema cooperativo foi visitado pelo presidente da República, Michel Temer; pelo ministro da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, Gilberto Kassab; e pelo ministro Blairo Maggi, da Agricultura, Pecuária e Abastecimento.

Blairo Maggi visita estande do Sicoob na Agrishow (Foto: Divulgação)

No campo dos esportes, destaque para a presença de atletas como Falcão – da seleção brasileira de futsal, eleito duas vezes pela FIFA como o melhor jogador do mundo na categoria, que passou a ser patrocinado pelo Sistema – e do o jogador de vôlei Lipe Fonteles, campeão olímpico e presidente do Vôlei Ribeirão, equipe patrocinada pelo Sicoob e que recentemente conquistou o título da Superliga B, garantindo acesso à principal divisão do vôlei brasileiro; além de atletas do Botafogo FC, time que disputa os campeonatos Paulista e Brasileiro de futebol e é patrocinado pelo Sistema Sicoob.

Destaque, também, para palestra de Marco Aurélio Borges de Almada Abreu, presidente do Bancoob, em 1º de maio, na Arena do Conhecimento, sobre “O Sicoob e o financiamento para o agronegócio”.

 


A MundoCoop integrou grupo de jornalistas especialmente convidado pelos expositores para realizar a cobertura do evento.



Publicidade