10 frases que mostram a essência e a relevância do cooperativismo

Publicado em: 12 março - 2019

Leia todas


Unir pessoas e compartilhar resultados, esta é a proposta do movimento cooperativista

O cooperativismo é definido por teóricos como a terceira via, a ponte que une o liberalismo e o socialismo. sendo assim, mais do que um movimento, o cooperativismo constitui-se filosofia de vida fundamentada na reunião de pessoas e não no capital, o que significa que busca atender às necessidades do grupo e não do lucro, é focado na prosperidade conjunta e não na individual, tendo como princípios participação democrática e solidariedade, promovendo a independência e a autonomia de seus membros.

É notável o papel do cooperativismo como agente de desenvolvimento econômico e social, o que faz com que o movimento tenha a perspectiva de se consolidar como o modelo empresarial que mais cresce no planeta.

Nos meios rurais e urbanos, o cooperativismo vem ocupando espaço no mercado e mostrando uma nova forma e motivação de transformar o mundo. Baseando-se no trabalho em equipe, divisão equitativa de bens e ganhos e valores humanos, o cooperativismo opera em prol de um desenvolvimento econômico e social, de maneira sustentável, justa e inspiradora.

Pensado nisso, destacamos 10 frases de personalidades importantes que mostram a essência e relevância do setor:

 

Temos convicção de que o Cooperativismo é a fórmula para resolução do problema social.

Dulce Braga, presidente da Cootama (Cooperativa de trabalho Multidisciplinar de Desenvolvimento da Amazônia)

 

Com a estabilização da economia as cooperativas de crédito devem esperar ter um papel mais relevante e devem se preparar para ser protagonistas no sistema financeiro.

Kédson Macedo, presidente da Confederação Brasileira das Cooperativas de Crédito (Confebras)

 

A cooperativa de crédito é a fintech mais organizada que temos no País. Ela oferece todos os serviços financeiros, tem viés social e consegue concorrer com os outros bancos.

Henrique Castilhano Vilares, presidente do Sicoob

 

O cooperativismo é a mais antiga maneira de transformar habilidades individuais em resultados coletivos, que não seriam atingidos apenas com esforço próprio. O cooperativismo ensina a dar valor à contribuição dos demais, a trabalhar em equipe, a ajudar quem necessita. Esses são fatores que irão dar combustível a qualquer carreira, em qualquer empresa, de qualquer ramo.

Max Gehringer, administrador de empresas

 

O cooperativismo é um jeito de trabalhar diferenciado, e é isso que torna as cooperativas empresas únicas, distintas de centenas de milhares de estabelecimentos focados no lucro pelo lucro e não no lucro pelas pessoas, como se o ter fosse mais importante que o ser.

Márcio Lopes de Freitas, presidente do Sistema OCB

 

A cooperativa é um instrumento da doutrina cooperativista, e, como tal, serve para corrigir o social através do econômico. Essa definição somada ao momento presente, em que o maior problema social do Brasil contemporâneo é o desemprego, permite, com facilidade, projetar crescimento significativo do cooperativismo nos próximos anos, oferecendo a inclusão para quem está fora do mercado.

Roberto Rodrigues, embaixador da ONU para Alimentação e Agricultura da FAO para o cooperativismo mundial

 

As cooperativas têm força e poder organizativos e podem questionar partidos e pedir que os compromissos sejam com a sociedade e não com interesses corporativos.

Antonio Carlos Mazzeo, cientista político da universidade estadual Paulista e professor do Departamento de História da USP

 

As cooperativas são abertas para todas as pessoas que queiram participar, estejam alinhadas ao seu objetivo econômico e dispostas a assumir suas responsabilidades como membros.

Gilson Gomes Camboim, presidente da Coogavepe (Cooperativa de Garimpeiros do vale do rio Peixoto)

 

Nossa percepção é que uma cooperativa que respeita e norteia suas decisões com base nos princípios do cooperativismo, tem todas as condições de crescer, evoluir, prosperar. Já se algum deles não é respeitado, mais cedo ou mais tarde a cooperativa terá de assumir o ônus dessa escolha.

Osni Roman, presidenta da Coopercarga (Cooperativa de Transporte de Cargas do Estado de São Paulo)

 

O cooperado tem de sentir que existe um valor positivo em fazer parte da cooperativa. Os cooperados são peça-chave nas decisões estratégicas da cooperativa.

José Antonio de Souza Rossato Jr., presidente da Coplana (Cooperativa Industrial)



Publicidade