Indústrias da Coamo recebem certificação FSSC 22000


Destaque



A Coamo foi certificada Pela DNV.GL Det Norske Veritas (Noruega) and Germanischer Lloyd (Alemanha) na norma FSSC 22000 – Food Safety System Certification – nas suas Indústrias de Refino, Hidrogenação, Interesterificação de Óleos e Indústria de Margarinas no parque industrial da cooperativa em Campo Mourão, Centro-Oeste do Paraná. A FSSC 22000 é uma norma internacional que trata dos requisitos de segurança de alimentos, que surgiu como uma evolução da ISO 22000, representando uma abordagem abrangente para a gestão de riscos voltada à segurança dos alimentos em toda a cadeia de fornecimento. O processo foi iniciado em 2014 com a meta de atender à crescente demanda mundial pelo controle da segurança alimentar e uma vida mais saudável. O nome da cooperativa por ser encontrado no site, no item “Organization”.

Segundo o superintendente Industrial da Coamo, Divaldo Correa, para este processo de certificação, a cooperativa realizou uma série de ações. “Investimos na capacitação dos colaboradores e áreas de apoio para aperfeiçoar um trabalho que a Coamo já vinha realizando, porém se adequando a critérios internacionais de segurança alimentar.”

Correa acrescenta que “foram reavaliados os padrões de controle de riscos à segurança de alimentos em toda a cadeia de fornecimento, criação de sistema de homologação e avaliação de fornecedores, implementação do food defense e controle de alergênicos, estudo estatístico para validação das medidas de controle bem como a revisão geral de todo o sistema de Gestão da Qualidade, para que houvesse uma evolução em todo o trabalho.”

O superintendente Comercial da Coamo, Alcir José Goldoni, destaca que todos os produtos e alimentos comercializados pela Coamo têm a marca da confiança, pois são produzidos por uma cooperativa séria e comprometida. “Essa certificação vem para atestar todos os padrões de qualidade que já realizamos.”

Goldoni também salienta que a preocupação da Coamo é evoluir anualmente em processos de segurança alimentar. “Somos comprometidos com a qualidade desde a escolha da semente, produzida por nossos cooperados que são os donos da Coamo, até a entrega do produto final. Assim, a partir de agora, todos os processos estão certificados, o que nos credencia para comercializar com grandes indústrias do mercado internacional”, afirma.

Para o presidente da Coamo, José Aroldo Gallassini, essa certificação é mais um benefício para clientes, consumidores e cooperados da cooperativa. “Trata-se de uma norma exigida mundialmente e que representa um avanço para nós, abrindo mercados e trazendo mais segurança e confiança para quem compra e consome os produtos da Coamo. Agora, vamos trabalhar para manter a FSSC 22000, pois todo ano é realizada auditoria para validar essa certificação. Diante disso, a Coamo dispenderá todos esforços para que anualmente sua certificação seja renovada. ”



Publicidade