Central Nacional Unimed expande atuação na região metropolitana de São Paulo

Publicado em: 05 fevereiro - 2019

Leia todas


Alexandre Ruschi é presidente da Central Nacional Unimed, membro dos conselhos de administração da Unimed Participações, da Unimed Vitória e presidente executivo da Federação das Unimeds do Estado do Espírito Santo

Após reestruturação interna, Unimed Fesp transfere parte de sua carteira para a maior cooperativa do Sistema Unimed. A Federação continuará atuando no interior do Estado.

A Central Nacional Unimed e a Federação das Unimeds do Estado de São Paulo (Unimed Fesp) anunciaram que a partir do dia 1º de fevereiro a Fesp Unimed transferirá parte de sua carteira de clientes para a Central Nacional Unimed. No total, serão cerca de 115 mil vidas distribuídas em 29 municípios da região metropolitana de São Paulo, capital e Grande ABC.

A decisão faz parte de uma reestruturação interna que visa uma potencialização e mais sinergia tanto na gestão assistencial quanto na gestão comercial e que proporcionará aos clientes uma rede unificada de atendimento na região metropolitana de São Paulo.

O acordo foi aprovado pela Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) e pelo Conselho Administrativo de Defesa Econômica (CADE). A Central Nacional Unimed passará a ter 1,6 milhão de clientes, enquanto a Unimed Fesp continuará suas atividades como operadora de planos de saúde federativos com aproximadamente 500 mil vidas nas demais regiões do Estado de São Paulo.

No que se refere aos clientes, serão mantidas todas as condições contratuais firmadas com os beneficiários, como data de vencimento, cobertura, valores e data base de reajuste. É importante ressaltar que nenhum atendimento será interrompido, permanecendo em pleno funcionamento todos os serviços disponibilizados pela Unimed Fesp, inclusive aqueles que estejam em regime de internação hospitalar ou em tratamento continuado.

“Essa iniciativa fortalece o cooperativismo médico em São Paulo e contempla uma nova realidade de mercado no Sistema Unimed, valorizando os clientes e otimizando os serviços prestados”, afirma Alexandre Ruschi, presidente da Central Nacional Unimed.



Publicidade