Conheça o novo diretor do ramo Crédito na Ocesp

Publicado em: 16 maio - 2019

Leia todas


Durante a última Assembleia Geral Ordinária (AGO) da Ocesp, realizada em 23 de abril, foram anunciadas alterações na composição dos Conselhos Diretor e Fiscal da Ocesp. O presidente do Sicoob Cecres, João Carlos Bibbo, que atuava como conselheiro fiscal, assumiu como diretor do ramo Crédito. Ele substituiu Emerson Assis, que renunciou ao cargo por questões pessoais.

Nascido em São Carlos, Bibbo, como é conhecido o diretor, está há cerca de seis anos na diretoria do Sicoob Cecres – Cooperativa de Economia e Crédito Mútuo dos Empregados da Sabesp. Até o ano passado, desempenhava a função de presidente executivo e, neste ano, assume como presidente do Conselho de Administração.

Engenheiro civil, engenheiro de Segurança do Trabalho e administrador de empresas, Bibbo é funcionário da Sabesp há 43 anos. Atualmente, está licenciado da companhia estatal para atuar como vice-presidente do Sindicato dos Engenheiros do Estado de São Paulo. Além disso, também é membro titular do Conselho Fiscal da Confebras.

Para Bibbo, é um orgulho fazer parte do time do Conselho de Administração da Ocesp e, por isso, aceitou prontamente o convite do presidente do Sistema Ocesp, Edivaldo Del Grande.

“Eu me sinto lisonjeado, orgulhoso e preparado para assumir essa função, que traz alguns desafios. O ramo está se expandindo muito e temos a difícil tarefa de orientar algumas das maiores cooperativas de crédito do Brasil, que estão sediadas no Estado de São Paulo”, esclarece.

O novo diretor considera que tem muito a aprender com as grandes do setor, mas pretende realizar um trabalho para que todas as cooperativas de crédito, independente do porte, sigam juntas na mesma direção.  Para isso, buscará fortalecer o papel da Ocesp, como grande representante do cooperativismo no Estado, junto às cooperativas que ainda não são filiadas à organização. O objetivo, segundo ele, é fazer com que essas cooperativas se filiem e usufruam os benefícios da filiação.

Por fim, Bibbo afirma que pretende dar continuidade ao trabalho de Emerson Assis, diretor que o antecedeu no cargo. “Não pretendo modificar nada do que o doutor Emerson vinha fazendo. Quero dar continuidade ao trabalho e ao planejamento do meu antecessor. A ideia é continuar o trabalho feito por ele, que foi muito competente e atuou para valorização do ramo”, conclui.

Conselho Fiscal

Com a saída de Bibbo do Conselho Fiscal, o presidente da Coopermota, Edson Valmir Fadel, assumiu a vaga como titular do conselho, onde era suplente.


Fonte: Sescoop/SP com adaptação da MundoCoop



Publicidade