13º Concred Digital: o papel das cooperativas de crédito na sociedade é tema no maior evento do setor na América Latina

Publicado em: 20 agosto - 2021

Leia todas


As cooperativas de crédito têm ganhado mais espaço a cada ano, e hoje desempenham um importante papel dentro da sociedade. É esse papel que está sendo discutido no 13º Concred Digital, o maior evento do cooperativismo de crédito da América Latina. 

Organizado pela Confederação Nacional das Cooperativas de Crédito (Confebras), o evento que começou na última quarta (18), reúne grandes nomes para falar sobre as tendências para o futuro, e discutir o papel do ramo crédito como agente social. Tudo isso, acontece num ambiente completamente digital e imersivo, onde os participantes poderão encontrar palestras, lançamentos de livros e outros. 

Para celebrar o início da conferência, aconteceu na noite de quarta a solenidade de abertura, que contou com a presença de Moacir Krambeck, Presidente da Confebras; Márcio Lopes de Freitas, Presidente do Sistema OCB; Paulo Sérgio Neves de Souza, Diretor de Fiscalização do Banco Central do Brasil; Marco Aurélio Borges de Almada Abreu, Coordenador do CECO e José Evaldo Campos, Presidente do Sicoob Central Nordeste. 

Abrindo as conversas, Moacir Krambeck, Presidente da Confebras, agradeceu ao público do evento e ressaltou o alcance do Concred Digital, que chega à sua 13ª edição: “A magnitude do Concred começa pela amplitude dos temas, que abrangem todos os ramos do cooperativismo na maior parte do tempo, tornando esses três dias uma experiência marcante, transformadora e memorável”. 

Em seguida, José Evaldo Neto, presidente do Sicoob Central Nordeste, trouxe uma reflexão para o púbico. Em sua fala, Neto questionou se o ramo crédito está verdadeira colocando em prática o sétimo princípio do cooperativismo, o interesse pela comunidade. Ele ainda ressaltou que é preciso levantar esforços para difundir esse princípio e ainda sugeriu que haja uma expansão do Fundo de Investimento Solidário e Social. 

Marco Aurélio Borges, coordenador da CECO (Conselho Consultivo Nacional do Ramo Crédito), ressaltou em sua fala os números do coop de crédito diante da crise, que mais uma vez evidencia o poder do cooperativismo de se fortalecer diante de períodos de incerteza. Borges ainda chamou o público a pensar sobre o que ainda pode ser feito dentro do cooperativismo de crédito, para aumentar ainda mais o alcance do setor. 

Prosseguindo com a solenidade de abertura, Márcio Lopes de Freitas, presidente do Sistema OCB, destacou o histórico do Concred, onde tendências e novidades do setor sempre se iniciaram. Freitas ainda destacou a importância de seguir apostando em modelos de boa gestão e governança, além da transparência nos processos das cooperativas. 

Para encerrar a solenidade, Paulo Sérgio Neves de Souza, diretor de fiscalização do Banco Central do Brasil, destacou os avanços do setor financeiro no Brasil. Em sua fala, ele ressaltou o foco e a melhor experiência para o cliente como um dos fatores que levaram o setor ao patamar da atualidade, e ainda lembrou de como as novas ferramentas, como o PIX e o open banking, devem aumentar o alcance do ramo crédito, que já conta com 11.9 milhões de cooperados. 

Completando o primeiro dia do Concred Digital, ocorreram lançamentos de livros e ainda, a palestra magna presidida pela especialista Claudia Leite, que falou sobre o tema oficial do evento: “Cooperativismo de Crédito conectado em um único propósito: a transformação econômica e social do País”. Fechando a noite, Henry & Klauss realizaram uma palestra interativa sobre cooperativismo, com um toque do show de ilusionismo que a dupla oferece. 


Por Redação MundoCoop


Notícias Relacionadas:



Publicidade