Edição 2017 aumenta em 170% número de ações

Publicado em: 25 maio - 2017

Leia todas


O balanço oficial da  4ª Semana ENEF, que ocorreu entre os dias 8 e 14 de maio em diversos estados do Brasil, segundo a Comissão de Valores Mobiliários (CVM), mostra avanço em relação à edição anterior, realizada em 2016. Em um ano, o salto de 1.044 para 2.824 iniciativas voltadas para a educação financeira.

Com agenda repleta de eventos sobre novas tecnologias financeiras, aposentadoria, finanças pessoais e prevenções contra fraudes e abusos financeiros, a , se encerra com número recorde de atividades desde sua primeira edição em 2014 e revelando aumento de, pelo menos, 170% com relação a 2016. Somando as iniciativas disponíveis a cada dia, já que algumas ocorreram em mais de um, foram cerca de 4.000 oportunidades de capacitação e aprendizado.

“Analisando cada ano, é enorme o salto rumo à educação financeira. De 170 ações, passamos para cerca de 3.000, revelando o imenso esforço do Comitê Nacional de Educação Financeira em busca de maior disseminação do tema. Nosso objetivo é promover a conscientização financeira nacionalmente, pois, com conhecimentos e novos comportamentos, é possível obter avanços no desenvolvimento econômico e social do país”, afirma Leonardo Pereira, presidente da CVM (instituição que, este ano, preside o CONEF).

A CVM, por exemplo, mais que dobrou o número de iniciativas com relação à 2016 (84 ações). Nesta edição, a instituição promoveu 176 eventos em 16 Estados brasileiros e Distrito Federal (Bahia, Ceará, Espírito Santo, Goiás, Maranhão, Mato Grosso, Minas Gerais, Paraíba, Paraná, Pernambuco, Piauí, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Roraima, Santa Catarina e São Paulo).

O movimento cooperativista também registrou avanços, como a Cresol, que, no total realizou 583 eventos, entre seminários, palestras, cursos presenciais e a distância (EAD), rodas de conversa, vídeos, filmes, apresentações teatrais e encontros,  que reuniram aproximadamente dois milhões de pessoas em atividade presenciais e online para discutir e conscientizar sobre a importância da Educação Financeira, nos quinze estados em que a Cresol Confederação está presente, comprovando a missão cooperativista da educação e da relação com a comunidade. Dentre as 583 atividades realizadas na semana algumas merecem destaque, como é o caso das atividades com as crianças do Programa Um Olhar para o Futuro, que no total reuniram sete mil alunos em idade escolar no quarto e quinto ano, para aulas com o de Educação Financeira.

Outro destaque são as ações realizadas com Jovens nas Casas Familiares Rurais, além de ações de conscientização reunindo agricultores e sócios com atividades do Programa de Agentes de Desenvolvimento Cresol. Para que ainda mais pessoas pudessem ser contempladas com as ações, a Cresol lançou especialmente para a 4ª Semana ENEF o curso a distância aberto a todos os públicos com o foco em Educação Financeira, que por meio da educação a distância envolveu milhares de pessoas em diferentes regiões.

A Semana Enef é iniciativa do Comitê Nacional de Educação Financeira (Conef) para promover a Estratégia Nacional de Educação Financeira (ENEF) e conhecimentos acerca do tema, estimulando o desenvolvimento equilibrado entre o dinheiro e as decisões conscientes de consumo. O Conef é formado por Ministério da Fazenda; Ministério da Educação; Ministério da Justiça; Banco Central do Brasil (BCB); Comissão de Valores Mobiliários (CVM); Superintendência de Previdência Complementar (Previc); Superintendência de Seguros Privados (Susep); Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais (Anbima); B3 (Brasil Bolsa Balcão); Confederação Nacional das Empresas de Seguros Gerais, Previdência Privada e Vida, Saúde Suplementar e Capitalização (CNseg); e Federação Brasileira de Bancos (Febraban). Além disso, mantém convênio com a Associação de Educação Financeira do Brasil (AEF–Brasil) para concepção, planejamento, estruturação, desenvolvimento e administração de iniciativas de educação financeira de caráter transversal que integram a Enef. 



Publicidade