Cooperativas de crédito são destaque na 4ª Enef

Publicado em: 17 maio - 2017

Leia todas


Cerca de 4.000 eventos – mais precisamente 3.966 – promovidos por organizadores e instituições ligadas direta ou indiretamente ao mundo das finanças – como universidades, consultorias, etc. – estão listados na programação constante no site da 4º Semana Nacional de Educação Financeira – Enef. Nessa relação, as cooperativas financeiras, seja individualmente, seja via centrais e confederações, relacionaram quase 2.000 iniciativas, comprovando a missão cooperativista da educação e da relação com a comunidade.

As ações – totalmente gratuitas e sem cunho propagandístico ou comercial – objetivaram a disseminação da educação financeira de modo inclusivo, permitindo a participação da comunidade, admitindo-se eventos para públicos específicos.

Jogos, palestras, cursos, rodas de conversa, vídeos, filmes, apresentações teatrais, teatro de bonecos, encontros, seminários, intervenções urbanas foram algumas das iniciativas desenvolvidas nesta edição do projeto, que foi realizada de 8 a 14 de maio.

Entre as ações desenvolvidas pelas cooperativas, algumas merecem destaque, como a palestra promovida em São Paulo, pelo Sicredi com Samy Dana – professor da Fundação Getúlio Vargas, comentarista do programa Conta Corrente (Globo News) e dos telejornais Hora 1 e Jornal da Globo (ambos veiculados pela rede Globo, entre outras atividades – que mostrou formas de usar a Psicoeconomia – um novo conceito que estuda a relação entre psicologia e economia – a favor de um maior controle financeiro. Voltada a associados da cooperativa e altamente esclarecedora, a discussão promovida pelo especialista baseou-se em exemplos didáticos e comuns da rotina das pessoas, partindo da premissa de que é possível poupar – e enriquecer – se forem tomados alguns cuidados básicos ao se gastar dinheiro e, assim, alcançar a Educação Financeira. O evento também marcou o primeiro aniversário da agencia na Avenida Paulista, vinculada ao Sicredi Vale do Piqueri ABCD.

Já em Toledo (PR), o destaque ficou com as dicas da consultora financeira Eliane Jaqueline Metzner. Gastar menos do que se ganha, investir na formação e produtividade para aumento da renda, e utilizar o seu dinheiro em algo que agregue, é nisso que consiste a riqueza, foram algumas das orientações passadas pela palestrante aos estudantes de 2º e 3º ano do ensino médio, dos colégios estaduais de Toledo, em 10 de maio, no auditório da Unipar, ação oferecida pela Cooperativa Sicredi Progresso PR/SP.

Além dos eventos realizados – cerca de 450 em todo o País ­– o Sicredi disponibiliza um hotsite, no qual associados e público em geral podem ter acesso aos materiais educativos, dicas, testes financeiros, entre outros conteúdos.

Prevenção, consumo consciente, investimento e poupança foram os principais temas abordados pelo sistema Sicoob na quarta edição do evento. Na programação, o Sicoob Confederação participou com quatro palestras ocorridas nos dias 8, 10, 11 e 12 de maio, além do envolvimento de 226 empregados da Confederação, Bancoob, Sicoob Previ, Sicoob Seguradora e Cabal. Os temas foram Eu e meu dinheiro, Planejamento financeiro, Previdência como alternativa de investimento e Educação Financeira para crianças e Gestão de Finanças Pessoais. Além disso, as centrais e cooperativas do Sicoob promoveram inserção do tema educação financeira em escolas públicas. Para Henrique Villares, presidente do Sicoob Confederação, a educação financeira é importante, pois proporciona conhecimentos úteis sobre como melhor lidar com o dinheiro. “Ao conhecer a relevância do planejamento financeiro as pessoas aprendem a gastar com sabedoria e também aprendem a poupar. Entendem melhor o que é necessário e o que é supérfluo, além da importância de terem o controle de seu orçamento, tornando-se mais conscientes de sua relação com a economia”, afirma.

Além disso, algumas cooperativas do Sistema Sicoob, como o Sicoob UniMais, contribuíram com a Semana Enef levando educação financeira a colaboradores e cooperados, além de divulgar a iniciativa amplamente em seus canais de comunicação, como site, Facebook, comunicados via e-mail, entre outros.

As cooperativas do sistema Cecred participam da  4ª Semana Enef através do Progrid – Programa de Integração e Desenvolvimento de Cooperados que, como novidade, apresentou  três cursos on-line de educação financeira voltados aos públicos jovem/adulto, empreendedor e infantil. Além da programação a distância, também aconteceu o lançamento do Programa de Gestão de Finanças Pessoais em parceria com o Sistema OCB/Sescoop e o Banco Central do Brasil. As ações se estenderam às redes sociais, com exibição de uma série com 5 vídeos de curta duração que falam sobre temas como Relação com o Dinheiro; Consumo Consciente; Orçamento Pessoal; Crédito e Endividamento; Investimentos e Aposentadoria. Ainda serão transmitidas três aulas ao vivo via Facebook da Cooperativa de Crédito do Vale do Itajaí – Viacredi. Foram, ainda, realizados diversos eventos presenciais para que os cooperados ampliassem sua consciência e responsabilidade relacionadas a consumo, finanças, crédito, poupança, planejamento e relação equilibrada com o dinheiro, cooperando assim para o bem-estar coletivo, com um sistema financeiro mais sólido e eficiente.

A Cresol organizou atividades com as comunidades e divulgou em seus canais de comunicação orientações sobre educação financeira. Como exemplo, a Cresol Central SC/RS, entre as atividades, destacou palestra com o tema “Fique de olho no futuro”, organizada pela Cresol Jacutinga e Posto de Atendimento de Campinas do Sul na Escola Estadual Nossa Senhora da Paz, com crianças de oito a 11 anos, totalizando aproximadamente 100 crianças alcançadas diretamente e indiretamente as famílias das mesmas, contribuindo para a educação financeira nas escolas, possibilitando que as crianças consigam ter uma visão melhor de planejamento futuro; conscientizar sobre a importância das crianças aprenderem a administrar seu dinheiro; instigar as crianças a falar e discutir com a família sobre como poupar e investir o dinheiro corretamente; cumprir o papel social da Cresol Central SC/RS, quanto instituição financeira; e educar para consumir e poupar de modo ético, consciente e responsável.

BC lança a “É da sua conta”
O Banco Central aproveitou a 4ª Enef para lançar a “É da sua conta: Orientações para o consumidor financeiro”, uma plataforma de educação à distância desenvolvida para capacitação de funcionários de Procons e de outros órgãos do Sistema Nacional de Defesa do Consumidor.

Por meio do acesso à plataforma online, os profissionais que trabalham atendendo ao consumidor poderão realizar curso de educação à distância (EAD) sobre as principais regras que disciplinam a oferta de produtos aos clientes de instituições financeiras. A primeira turma começa no final de junho, terá 250 alunos e explicará o funcionamento do Sistema Financeiro Nacional e do Banco Central, o fluxo dos canais de atendimento e as principais regras relacionadas ao uso de cartão de crédito. As inscrições começam amanhã.

A plataforma também disponibilizará um banco de casos práticos, composto por fichas onde serão narradas situações reais envolvendo direitos dos clientes do sistema financeiro. As fichas irão indicar a melhor solução para cada caso e mostrar qual a fundamentação legal para a orientação passada ao consumidor. As primeiras fichas serão sobre o uso do cartão de crédito. Os casos práticos estarão disponíveis para todos, membros ou não do Sistema Nacional de Defesa do Consumidor.

Semana Enef
A Semana Nacional de Educação Financeira – Semana Enef – é uma iniciativa do Comitê Nacional de Educação Financeira (Conef) para promover a Estratégia Nacional de Educação Financeira (ENEF).

O Conef é formado por representantes das seguintes instituições: Banco Central do Brasil (BCB); Comissão de Valores Mobiliários (CVM); Superintendência de Previdência Complementar (Previc); Superintendência de Seguros Privados (Susep); Ministério da Educação; Ministério da Fazenda; Ministério da Justiça; Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais (Anbima); BM&FBovespa S.A; Confederação Nacional das Empresas de Seguros Gerais, Previdência Privada e Vida, Saúde Suplementar e Capitalização (CNseg); e Federação Brasileira de Bancos (Febraban).

O Comitê também mantém convênio com a Associação de Educação Financeira do Brasil (AEF–Brasil) para a concepção, planejamento, estruturação, desenvolvimento e administração de iniciativas de educação financeira de caráter transversal que integram a Enef.

Também aconteceram ações Dentro do espaço escolar, a educação financeira é um importante tema transversal, colaborando para a formação de cidadãos mais autônomos e conscientes de sua relação com a economia. Pensando nisso, a Estratégia Nacional de Educação Financeira desenvolveu um Programa de Educação Financeira voltado para a promoção do tema nas escolas. O material está disponível para ser acessado gratuitamente por professores, escolas e pais. Além disso, o Conef está engajado em inserir o tema educação financeira na proposta que está sendo construída para a Base Nacional Comum Curricular.



Publicidade