Comemoração de 15 anos do Encontro de Mulheres Cooperativas, destaca a força da mulher no cooperativismo catarinense

Publicado em: 05 outubro - 2016

Leia todas


Mais de mil representantes de núcleos femininos de cooperativas catarinenses – entre lideranças, cooperadas, esposas de cooperados e colaboradoras – participaram do Encontro de Mulheres Cooperativistas, realizado no Costão do Santinho Resort, em Florianópolis (SC), nos dias 28 e 29 de setembro.

O evento marcou o 15º aniversário dessa iniciativa do Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo de Santa Catarina (Sescoop/SC) e, por isso, contou com programação especial, com homenagens e resgate histórico, palestras, apresentação de cases, espetáculos artísticos, entre outras atrações.
Reconhecido por reunir público expressivo, o evento surgiu em 2002 com a participação de 250 pessoas e, em 2011, foi realizado em formato de congresso para celebrar os 10 anos. Dessa forma, embora em 2016 ocorra a 14ª edição, são 15 anos de idealização do encontro. A cada ano o encontro inovou na programação das atividades e cresceu no número de participantes. Os destaques das programações sempre estiveram voltados aos diferentes papéis que as mulheres desempenham na família, na cooperativa, no cooperativismo e na sociedade, além de outras temáticas importantes como saúde e qualidade de vida.

“A edição de 2016 permitiu comemorar o importante papel exercido pela mulher no cooperativismo catarinense, que é considerado referência nacional”, enfatizou o presidente da Ocesc e do Sescoop/SC, Luiz Vicente Suzin, lembrando que Santa Catarina é a unidade da Federação brasileira com maior taxa de adesão ao cooperativismo: mais de 260 cooperativas de todos os setores da atividade econômica reúnem 1 milhão e 900 mil famílias associadas e respondem por 11% do PIB catarinense. “A mulher exerce papel estratégico para a conquista e manutenção desses resultados”, conclui.

A coordenadora de promoção social do Sescoop/SC, Patricia Gonçalves de Souza, lembra que no primeiro evento, realizado em 2002, a participação da mulher foi de 8% dentro do quadro social das cooperativas, que naquela época representava 463 mil cooperados. Atualmente, a participação ultrapassa 36% dos mais de 1,9 milhões de cooperados. “É um crescimento significativo, mas temos muito a avançar no preparo de novas lideranças para exercer cargos e para que estejam à frente de suas comunidades. Recebemos, cada vez mais, demandas de cooperativas com interesse de iniciar trabalhos de preparação das mulheres e estamos atendendo na medida do possível”. Destaca, também, que é gratificante observar tanto desenvolvimento, tantas ações realizadas e vários frutos deste trabalho. “Celebrar 15 anos, nada mais é do que fazer um coroamento das ações que as cooperativas estão empreendendo em suas bases. Mais de 30 cooperativas participaram do evento e comemoraram essa história”.

OS NOVOS HORIZONTES DA LIDERANÇA

Na programação da edição especial de 15 anos do Encontro de Mulheres, o consultor organizacional, escritor, conferencista nacional e internacional e especialista em desenvolvimento das Competências de Liderança aplicada à Administração e à Educação, Eduardo Shinyashiki, abordou o tema “Os novos horizontes da liderança”, com intervenções contagiantes sobre os diversos aspectos que envolvem a postura de um líder. Segundo ele, hoje a liderança está cada vez mais feminina. “Estamos falando de acolhimento ao invés de pressão, cobrança e crítica. Estamos falando de saber ser multifuncional, não simplesmente no sentido de dar ordem, mas de se engajar e estar junto participando. Essas são qualidades extremamente femininas”, disse.

A abertura contou com a presença do presidente da Ocesc e Sescoop/SC Luiz Vicente Suzin, do superintendente das entidades Neivo Luiz Panho, da gerente do Sescoop Nacional Karla Tadeu Oliveira, da coordenadora de promoção social do Sescoop/SC Patricia Gonçalves de Souza, do secretário adjunto da Agricultura e Pesca Airton Spies, deputado estadual e presidente da Frencoop José Milton Scheffer, entre outras lideranças políticas e institucionais.
Ao mencionar a história do encontro, o Sescoop/SC homenageou os presidentes que estiveram à frente da entidade desde o surgimento do evento: Luiz Temp, Neivor Canton e Marcos Antonio Zordan. O momento foi marcado por emoção e resgate da trajetória do encontro, que surgiu em 2002 com a participação de 250 mulheres. A iniciativa, que em 2011 foi realizada em formato de congresso para celebrar os 10 anos, é reconhecida pela evolução na programação e no número de participantes.
A programação incluiu, ainda, palestra sobre “O impacto do cooperativismo na construção de um futuro melhor”, com Carlos Hilsdorf, apresentação dos cases dos Núcleos Femininos, palestra com João Carlos De Oliveira sobre “Família: a base das Sociedades Cooperativas”, palestra “Saúde e Qualidade de Vida”, conduzida por Malcon Montgomery, palestra com Nelma Penteado com o tema “Acredite nos seus sonhos”, homenagens aos ex-presidentes da Ocesc e Sescoop/SC e homenagem às cooperativas.