Cooperativas investem em tecnologia para acompanhar evolução do mercado

Publicado em: 05 abril - 2018

Leia todas


Já passou o tempo em que ser uma cooperativa significava estar em desvantagem ao lidar com tecnologia. Implementar sistemas ou adquirir equipamentos custa caro e demanda recursos que nem sempre as cooperativas podiam empregar. Hoje, o cenário é exatamente o oposto e tem como propulsor a necessidade permanente de incrementar a receita e melhorar a produtividade buscando novas tecnologias como aliada dessa busca.

Cooperativas investem em tecnologia para acompanhar evolução do mercado (Foto: Divulgação/Freepik)

Cooperativas investem em tecnologia para acompanhar evolução do mercado (Foto: Divulgação/Freepik)

A tecnologia vem sendo tratada como algo fundamental, não apenas prioritário, afinal, mais do que reduzir os custos de operação, os investimento em tecnologia trazem como resultado aumento na produtividade, garantindo que o negócio esteja em condições de competir com qualquer concorrente do mercado.

Grandes iniciativas não faltam e chamam a atenção de fornecedores e dos meios de comunicação em geral.

A Coopercitrus, maior cooperativa de produtores rurais do Estado de São Paulo que reúne mais de 30.000 produtores, que produzem principalmente cana de açúcar, café, soja e milho e atua ainda no comércio de insumos, máquinas e implementos agrícolas acaba de implementar um sistema de gestão desenvolvido pela SAP. “Nosso desafio era integrar globalmente nossa governança com um sistema de gestão completo, aumentando a eficiência de todos os nossos processos”, informou Fernando Degobbi, diretor financeiro da Coopercitrus, ao explicar que a escolha pelo ERP S/4HANA foi resultado de uma concorrência que contou com a participação dos melhores players do mercado. “A SAP desenhou uma arquitetura de solução verticalizada, que engloba todos os processos de negócios e atende integralmente às nossas necessidades”, sintetiza Degobbi.

“A Coopercitrus realizou um processo de seleção extremamente criterioso e ficamos muito satisfeitos com a celebração desta parceria, atendendo de ponta a ponta os processos da cooperativa”, comemora Rafael Okuda, diretor de Agronegócio da SAP.

O projeto será implementado pela parceira especializada no setor do agronegócio da SAP, a SPRO IT Solutions. A adoção de tecnologias para o processo de originação de grãos, sob a plataforma SAP S/4 HANA, vão beneficiar desde processos de finanças e logística até processos de varejo e suprimentos. “Os resultados vão se refletir em ganhos de eficiência operacional, velocidade e maior competitividade para a cooperativa”, afirma o presidente da SPRO IT Solutions, Almir Meinerz.

Cooperativas de crédito: tecnologia é fundamental

A cooperativa financeira Sicredi vai iniciar em maio a operação de seu banco digital, batizado de Woop. O investimento previsto em 2018 para o projeto é de R$ 105 milhões, segundo o presidente-executivo, João Tavares.

“Tínhamos uma lacuna, que era o modo como falar com o jovem que quer se relacionar com a cooperativa, mas no meio digital. É um projeto de cinco anos que prevê um aporte de R$ 700 milhões. Essa é apenas uma parte do investimento para 2018. Projetamos para 2018 investimento com tecnologia e abertura de agências sem caixas, que operem como centro de atendimento a clientes, é de R$ 404 milhões. Um dos principais objetivos é reduzir custos e expandir a nossa presença física com um gasto mais baixo. Teremos uma base tecnológica que vai permitir mais pessoas dedicadas à relação com cooperados e menos com serviços que vão virar commodity”, informa Tavares.

 

MAIS NOTÍCIAS

Gestão, Carreira, Tecnologia, Marketing e Mercado: temas do AgroDigital
Sistema Ocemg promove evento de lançamento em Belo Horizonte
Cooperativas têm até 30 de abril para se cadastrar no Monitor Global



Publicidade