Fescoop/SP conquista o Registro Sindical no Ministério do Trabalho

Publicado em: 04 outubro - 2016

Leia todas


O Ministério do Trabalho concedeu Registro Sindical à Federação dos Sindicatos das Cooperativas no Estado de São Paulo (Fescoop/SP). O registro foi publicado no Diário Oficial da União, e garante plenos poderes para que a Fescoop/SP exerça a representação da categoria econômica das cooperativas e dos sindicatos filiados na base territorial do Estado de São Paulo.

“É uma grande conquista para o Sistema Cooperativista Paulista. Com o Registro Sindical teremos melhores condições para atuar na defesa das cooperativas, inclusive com a ocupação de novos espaços institucionais e mais segurança jurídica para o nosso setor”, comemora o presidente da Fescoop/SP, Edivaldo Del Grande.

Patricia Cabral, advogada da Federação, explica que a representação sindical do cooperativismo paulista avança mais uma etapa a partir deste momento. “A Fescoop/SP poderá intermediar negociações coletivas com sindicatos de trabalhadores em cooperativas, ajuizar ações para a defesa dos interesses das cooperativas, inclusive atuar no âmbito administrativo. A Federação também poderá ocupar assentos em órgãos do poder público, como Junta Comercial do Estado de São Paulo (Jucesp), Previdência Social, compor comitês do Ministério do Trabalho, entre outros”, ressalta Patrícia. “Outra possibilidade é a celebração de convênios específicos conforme a necessidade dos sindicatos filiados e de suas cooperativas. Essas ações realmente fortalecerão o Sistema Cooperativista como um todo”, complementa a advogada.

A iniciativa de criar a Fescoop/SP foi tomada em 2007, ainda no início da gestão de Edivaldo Del Grande à frente da Ocesp (Organização das Cooperativas do Estado de São Paulo). Desde então, foi empreendido um grande esforço para organizar as cooperativas em sindicatos e obter o Registro Sindical de cada um deles no Ministério do Trabalho. Para obter o Registro Sindical, a Federação precisava contar com, no mínimo, cinco sindicatos de cooperativas filiados e com o registro sindical devidamente atualizado no Ministério. “Foi uma luta muito grande, mas com o esforço de várias lideranças das nossas cooperativas, com o apoio constante dos profissionais da CNCoop e o trabalho persistente da nossa equipe, essa aguardada conquista tornou-se realidade”, destaca Del Grande.

A Fescoop/SP surge tendo como entidades fundadoras: Sindicato das Cooperativas Agropecuárias de Cândido Mota (Sincomota), Sindicato das Cooperativas Agropecuárias de Adamantina (Sincoada), Sindicato Nacional das Cooperativas de Serviços Médicos (Sincoomed), Sindicato das Cooperativas de Ensino do Estado de São Paulo (Sincooesp) e Sindicato Nacional das Cooperativas de Crédito (Sinacred).

A decisão é de m23 de setembro de 2016.



Publicidade