O novo episódio está no ar! Confira agora o PAPO COOP #9

Publicado em: 19 outubro - 2021

Leia todas


O episódio 9 do PAPO COOP está no ar, e traz para o palco FABIANO BRUM, palestrante nas áreas de cooperativismo, marketing e empreendedorismo. Para falar sobre a união entre motivação, cooperação e superação, ele traz o tema A LIDERANÇA ENGAJADORA. 

Atualmente, as cooperativas estão entrando numa progressiva especialização. Uma profissionalização dos processos, que tem levado a altos resultados e um cooperativismo ainda mais forte. 

Os resultados positivos vistos atualmente vêm, como Brum destaca, a partir de um conhecimento das lideranças do movimento, dos processos envolvidos e sobretudo, do público ao qual a cooperativa se direciona. 

“Não há como ter uma liderança engajadora, sem conhecer as pessoas” 

Em um mundo onde as lideranças cada vez mais estão conectadas com suas equipes, conhecer cada indivíduo é a chave para uma boa liderança. Saber o que o outro pensa, o que ele tem a compartilhar e a acrescentar ao todo. 

Hoje, mais do que nunca, o verdadeiro líder é aquele que sabe ouvir o que não está sendo dito. É líder quem se atenta aos pequenos detalhes que podem levar ao maior desenvolvimento da cooperativa. É líder, aquele que escuta. 

Liderança é a capacidade de atrair pessoas, engajá-las e assim, trazer resultados positivos para o coletivo. Em momentos adversos, como a pandemia que vivemos, a boa liderança se adequa e encontra as melhores soluções. 

“O líder engajador é também um visionário” 

Boas lideranças sabem observar o que está ao seu redor. À medida que o líder da equipe identifica os indivíduos ali presente, ele sabe o potencial de cada um. E toma atitudes para que o coletivo seja ajudado por esse potencial individual. 

O líder tem que ser capaz de escutar e direcionar os que estão à sua volta. Neste contexto, o líder deve se atentar não apenas em detalhes técnicos, mas também pessoais. O bom líder consegue ajudar o seu próximo, e entender o que está acontecendo. Para só assim, obter o potencial máximo de seu colaborador. 

“Para ser líder, é preciso saber tomar decisões complexas com relação a pessoas” 

Tal figura, consegue engajar através de boas decisões e posicionamentos. Ele sabe observar tudo que exerce alguma força sobre seus resultados, e assim, antecipa o que pode acontecer e toma as melhores decisões possíveis. 

Para isso, é preciso a visão de longo alcance. Uma visão de futuro, para que o presente seja possível. Desta forma, estratégias e metas são definidas e a cooperativa pode seguir um plano que irá trazer resultados não só financeiros, mas também humanos – como mandam os princípios cooperativistas. 

“Uma coisa é ser líder, outra é ser gerente” 

O gerente, pode gerenciar coisas, e até mesmo pessoas. Mas o líder envolve, engaja e tem a inteligência emocional como parte de seu processo. O líder conhece a si mesmo, e desta forma consegue criar habilidades para engajar os outros ao seu redor. 

Com uma boa tática de “líder engajador”, a cooperativa tira proveito do potencial de todos os seus colaboradores. Desta forma, ela se desenvolve a partir dos talentos que ali estão presentes, revelando assim novas formas de levar ao público os melhores serviços. 

“Quem não entende de pessoas, não entende de gestão” 

Apesar de vivermos em uma era digital, o mundo está cada vez mais humanizado. E no cooperativismo, essa realidade mostra seu potencial máximo. São pessoas, trabalhando em soluções para pessoas. 

Por isso, neste cenário, o líder deve – indispensavelmente – entender de pessoas. Pois aquele que não compreende as nuances do comportamento humano, não consegue realizar uma boa gestão. 

“Superação é sair do convencional” 

O líder engajador não segue aquilo que já está sendo feito. Ele busca, entende e vai atrás dos processos necessários para a evolução de sua cooperativa. Ele busca algo a mais em seus processos, trabalhando com motivação e conformidade. O bom líder, ao buscar algo a mais (dentro das normas éticas de sua posição) obtém um engajamento através de boas práticas. 

“O que você – líder – tem de fortaleza com a sua equipe?” 

Conhece-te a ti mesmo. Com a frase de Sócrates, Brum destaca o autoconhecimento como um dos elementos essenciais para a boa liderança. O bom líder sabe das suas habilidades, e usa desse conhecimento próprio para motivar e engajar a sua equipe. 

Através do autoconhecimento, a capacidade de acreditar no potencial de suas decisões é elevada, a assim, o líder tem mais condições de levar sua equipe rumo ao objetivo que irá beneficiar a todos. 

“Para ser líder, é preciso ter empatia pelo próximo” 

Para concluir, Brum traz o último ponto essencial do bom líder engajador: a empatia. O líder que tem empatia e se coloca no lugar do outro, toma melhores posicionamentos. Ele não se deixa levar pela sua posição, e usa de sua habilidade para escutar e entender o que precisa ser colocado. 

Através da empatia pela sua equipe, o líder consegue engajar, motivar e levar a sua equipe rumo ao próximo passo. O verdadeiro líder é aquele que enquanto empoderado, consegue empoderar outras pessoas. Este é, de fato, o legítimo líder engajador. 

Quer conferir o EPISÓDIO 9 do PAPO COOP na íntegra?  

OUÇA agora o EPISÓDIO 9 do PAPO COOP    

ASSISTA agora o EPISÓDIO 9 do PAPO COOP 


Por Redação MundoCoop



Publicidade