Sescoop/SP capacita dirigentes de Unimeds em intercâmbio técnico nas cidades de Lisboa e Madri

Publicado em: 14 dezembro - 2016

Leia todas


sescoop_003
Entre os dias 10 e 23 de novembro, presidentes e dirigentes de Unimeds do Estado de São Paulo participaram, com apoio do Sescoop/SP, do Intercâmbio Técnico das Cooperativas Operadoras de Plano de Saúde 2016, em Lisboa e Madri, com o objetivo de realizarem o Programa de Gestão em Saúde.

O evento de capacitação contou com a presença de 34 dirigentes de Unimeds, acompanhados por três representantes do Sescoop/SP: o presidente Edivaldo Del Grande, o superintendente Nelson Claro e a coordenadora de Gestão e Desenvolvimento de Cooperativas Lajyárea Barros.

Na cidade de Lisboa, os participantes realizaram o Programa de Gestão em Saúde para Médicos na Universidade Católica de Lisboa, que abordou os módulos “Gestão da Saúde: Estratégia, Marketing e Qualidade”, “Liderança e Gestão de Equipes”, “Sistemas da Informação na Saúde”, “Comunicação, Negociação e Gestão de Conflitos” e “Economia da Saúde”. “Os cursos tiveram como objetivo complementar conhecimentos de gestão para os dirigentes das Unimeds. Ao tratar de temas como estratégia, marketing, gestão de conflitos e liderança, a capacitação proporciona o desenvolvimento de competências importantes para a gestão das singulares e do Sistema Unimed como um todo”, explica Lajyárea Barros.

Já na segunda fase do intercâmbio, em Madri, os profissionais participaram de visita técnica a Escuela Nacional de Sanidad e ao Centro de Salud de Barrio Del Pilar, que atuam fortemente na Atenção Primária a Saúde, assunto que está sendo fortemente debatido no sistema e em implantação em expansão nas singulares. Um dos projetos que o Sescoop/SP realiza com as Unimeds é justamente o de apoio à implantação da Atenção Primária à Saúde, então o contato com esse assunto no intercâmbio foi fundamental. “Além disso, os dirigentes tiveram a chance de ter o contato com o Doutor Juan Gérvas, que é referência mundial em Atenção Primária à Saúde, um grande inspirador no assunto pela sua vivência no cuidado centrado no paciente.”, destaca a coordenadora.

Em Madri, os participantes puderam ainda conhecer a Fundação Espriu, que reúne cooperativas de saúde de diversos  segmentos como médicos, usuários dos serviços de saúde e seguradoras. A sede da Fundação fica em Barcelona, mas os participantes puderam entender melhor sobre a cooperativa e sua estrutura durante uma visita técnica a um de seus hospitais.

Por fim, os dirigentes participaram de um Workshop de Encerramento, no qual puderam avaliar o curso e as visitas técnicas, além de debater as aplicações práticas do que aprenderam, comparar as atividades realizadas por cooperativas espanholas e brasileiras, entre outras discussões. “Os dirigentes identificaram pontos que podem servir de inspiração para eles. O intercâmbio foi muito positivo, principalmente pela vivência proporcionada, a integração e a troca de experiências entre os participantes”, conclui Lajyárea.