Conectividade representa oportunidade para as cooperativas

Publicado em: 28 janeiro - 2022

Leia todas


Estamos na Era das conexões. A internet deixou de ser uma ferramenta completar, para se tornar protagonista de todos os processos que hoje realizamos. Estamos inerentes a ela, e dela dependemos para que a evolução continue. 

Nas cooperativas, a conectividade tem sido aliada na missão de alcançar mais cooperados, e impacta mais pessoas. E com a chegada do 5G e outras ferramentas, o futuro se abre com grandes possibilidades para o setor. 

Para entender melhor sobre esse fenômeno e como a conectividade irá transformar as cooperativas nos próximos meses, a MundoCoop conversou com exclusividade com o Gerente Executivo da TBNet, Alexandre Coelho. 

Confira na íntegra! 

MundoCoop: Como a conectividade pode contribuir para o desenvolvimento das cooperativas? A TBNet possui clientes que sejam cooperativas? Como surgiu essa oportunidade? 

A conectividade pode contribuir com o desenvolvimento das cooperativas de diversas formas. Durante a pandemia de Covid-19, ficou ainda mais evidente a importância e relevância de um link de Telecom com qualidade e resiliência. Muitas empresas tiveram que implementar o home office emergencial, no qual os funcionários demandaram por um link doméstico de alta qualidade, como se tem nos escritórios. Outras empresas tiveram que alavancar ou migrar 100% para o canal digital, modalidade que também demanda por links de alta qualidade, além de um portal web que ofereça uma ótima experiência para seus clientes. Da mesma forma, as cooperativas. 

Está mais que provado que não basta trabalhar com links de Telecom sem redundância, pois isso traz vários riscos que impactam nos negócios e imagem da empresa, gerando insatisfação aos seus clientes ou filiados. 

A oportunidade de atender ao mercado das cooperativas surgiu pela entrega dos diferenciais mencionados e a facilidade por muitas delas já serem clientes do Banco24Horas, que também integra a TecBan, e por serem muito aderentes ao propósito de oferta de valor do LinkBooster TBNet: oferecer conectividade para empresas conectarem seus escritórios / PDV’s / filiais a serviços da internet em nuvem ou a escritórios centrais ou Data Centers próprios. A TBNet iniciou sua jornada para atender clientes externos em 2018 e faz todo sentido continuar explorando clientes e parceiros do grupo. 

MundoCoop: De que forma uma conectividade não condizente com o tamanho de uma cooperativa pode afetar negativamente os resultados operacionais? Por que este é um tema tão importante para o setor? 

Um link de má qualidade de disponibilidade ou que sofre interrupções constantes pode trazer vários impactos negativos aos negócios das cooperativas, tanto no curto prazo, com a perda de receita por isolamento de sistemas de POS / Pontos de vendas, como no médio e longo prazo, com impacto na imagem da cooperativa e consequente perda de clientes. Dessa forma, é importante que o setor das cooperativas perceba que o link de Telecom não pode ser considerado commodity ou apenas uma linha de custo que deve ser cada vez menor. É necessário considerar a qualidade e custo benefício da solução, assim como todo o risco e impacto que um link que baixa qualidade pode causar em seu negócio. 

MundoCoop: Como o link de telecom impacta o relacionamento dos cooperados com a cooperativa? De que forma essa nova ferramenta irá ajudar na integração do cooperado, e na busca por novos? 

O link de Telecom impacta diretamente no relacionamento com os cooperados. Todo canal de interação do cooperado com a cooperativa, com certeza vai passar por um link de Telecom, que demanda qualidade. Como exemplos, imagine o impacto no cliente que vai a um ponto de atendimento de uma cooperativa para efetuar uma transação financeira (ex: saque no caixa, pagamento de conta, etc) e o sistema está fora do ar porque o link está interrompido. Ou ele tenta ir em outro ponto (se tiver outro próximo) ou vai para outra instituição efetuar a transação (ex: pagamento de boleto), gerando perda de receita para a cooperativa. Outra situação, é o cliente tentar fazer uma transação digital pelo portal / site da cooperativa e o mesmo está fora do ar ou com lentidão devido a problemas no link de telecom, também gerando descontentamentos. 

Por outro lado, um link de Telecom com qualidade e rapidez nos tempos de respostas (baixa latência), serve como base para que a cooperativa ofereça serviços / aplicações de alta performance para seus cooperados, garantindo conveniência, satisfação e uma ótima experiência de usuário. 

“A conectividade através da tecnologia 5G será um fator decisivo para acelerar a transformação digital das empresas, incluindo as cooperativas”

MundoCoop: Com a chegada do 5G neste ano, este serviço será aperfeiçoado? Que ganhos as cooperativas podem esperar a partir dessas novas formas de conectividade, mais eficientes? 

A tecnologia 5G vai aperfeiçoar ainda mais as entregas do LinkBooster TBNet, colocando-o em um novo patamar disruptivo. As características técnicas desta nova tecnologia irão possibilitar mudanças, não só na forma como as pessoas se comunicam entre si, mas também nas imensas possibilidades de conexões e interações diretas nos ecossistemas das empresas. 

Diferente das gerações anteriores das tecnologias móveis, o 5G nasce com o foco de transmissão de dados de “coisas”, seguindo premissas de alta densidade de dispositivos por área atendida, disponibilidade e confiabilidade da conexão, velocidades elevadas e baixo tempo de resposta na comunicação entre elementos. Comparando as características técnicas com o 4G, o 5G irá fornecer garantia de transferência de dados, maior confiabilidade dos serviços, suporte a maior adensamento de conexões – usuários finais e terminais (IoT), consumo de energia eficiente, baixa latência fim-a-fim (tempo de resposta de 1 milissegundo comparado com 30 milissegundos atuais), velocidades de banda larga superiores a 500Mbps, podendo chegar a 1Gbps (50 vezes mais aos 20Mbps atuais do 4G). 

A conectividade através da tecnologia 5G será um fator decisivo para acelerar a transformação digital das empresas, incluindo as cooperativas. Suas características serão responsáveis pelo desenvolvimento inovador de novas aplicações capazes de gerar impactos profundos nas nossas vidas e, por consequência, em nossa sociedade. Como em outros momentos da história, nos próximos anos vivenciaremos uma nova revolução, onde a tecnologia 5G será uma base de crescimento e sustentação competitiva de negócios.  

MundoCoop: Quais as tendências para a conectividade em 2022? Quais os próximos avanços que podemos esperar? 

Em 2022, o grande foco será o início da exploração da tecnologia 5G, com o amadurecimento de sua utilização nos próximos anos. Porém, existe a oportunidade de continuar explorando a tecnologia 4G existente no curto prazo, que deverá ter um aumento de cobertura de sinal em áreas interioranas e rodovias pelo Brasil, como contrapartida de investimento exigido para os vencedores no edital da licitação 5G. 


Por Leonardo César – Redação MundoCoop


Confira outras entrevistas:



Publicidade