Inventores criam fibra a partir de materiais biodegradáveis

Publicado em: 27 junho - 2017

Leia todas


O OKYé uma fibra criada a partir da transformação da matéria-prima biodegradável em substituta para madeira e plástico, que permite fabricar piso, paredes e até colheres. A novidade é uma criação de Vitor de Oliveira e Joyce Barreto, afiliados à Associação Nacional dos Inventores (ANI) e já foi devidamente registrada junto ao INPI (Instituto Nacional de Propriedade Industrial). No momento, os inventores buscam investidores para produzir e comercializar o produto, seja por meio da venda da patente ou do seu licenciamento.

“O Brasil produziu ano passado 200 milhões de toneladas de cana. 55% dessa cana vira resíduo, vira lixo. 10% desse resíduo são reutilizados, os demais são queimados. É um polímero feito à base de cana, fibra de cana – a gente faz a ressignificação do resíduo. Não estamos propondo a substituição de matéria-prima, é uma alternativa ao uso da madeira, da cerâmica, do plástico que é sustentável: mais barato, 100% biodegradável e que um resíduo de um processo industrial”, defendem os inventores.



Publicidade