Plano visa aumentar área irrigada em 5 milhões de hectares

Publicado em: 12 maio - 2016

Leia todas


irrigada

 

O Plano para Expansão, Aprimoramento e Desenvolvimento Sustentável da Agricultura Irrigada visa a aumentar a área irrigada do país de 6,2 milhões para 11,2 milhões expansão de 5 milhões de hectares, ou 80% em 10 anos.

O plano de irrigação foi apresentado em 10 de maio e objetiva usar a água de forma racional, evitar as perdas agrícolas por causa de problemas climáticos, aumentar a produtividade de 3,4 para 4 toneladas por hectare e gerar até 7,5 milhões de empregos diretos e indiretos. Do ponto de vista ambiental, busca diminuir a pressão sobre a abertura de novas áreas de produção.

As áreas identificadas para o fomento da agricultura irrigada, a curto prazo, têm 4,5 milhões de hectares e estão localizadas em 298 municípios brasileiros. A prioridade número um é atender as regiões do Semiárido brasileiro e do Matopiba (Maranhão, Tocantins, Piauí e Bahia). “Dos 6 milhões de hectares irrigáveis no Matopiba, 500 mil estão prontos, com energia, estrada, armazenagem. Toda a área estratégica de investimento está pronta, é só financiar o produtor. Essa é a grande novidade do estudo”.

A implantação será em duas etapas:

Primeira etapa (2016 a 2019):
– ampliação da área irrigação em 1,5 milhão de hectares, considerando a infraestrutura atual disponível;
– implementação do Cadastro Nacional de Irrigantes;
– implantação de 50 unidades demonstrativas;
– capacitação de 20 mil produtores e técnicos;
– implantação de três centro de referência em agricultura irrigada.

Segunda Etapa (2020 a 2024)
– ampliação da área irrigada em 3,5 milhões de hectares, a partir da identificação das regiões aptas, e equacionamento de questões de infraestrutura e logística;
– capacitação de 35 mil produtores e técnicos;
– implantação de 50 unidades demonstrativas.