Sem reformas, otimismo se enfraquece, garante especialista em macroeconomia

Publicado em: 29 março - 2017

Leia todas


Dá para ser mais otimista no Brasil, garante Marco Maciel, economista sênior da Bloomberg Intelligence para o Brasil, mas para isso “a aprovação das reformas é fundamental para fazer com que as variáveis de tendência de câmbio e juros tenham uma trajetória mais tranquila, mais baixa e mais estável. A declaração foi feita durante encontro do Instituto Brasileiro de Executivos de Finanças de São Paulo (IBEF), em 23 de março, para debate sobre o cenário econômico.

 Sua expectativa de inflação medida pelo IPCA para 2017 está na casa dos 4,2% (0,3 pontos percentuais abaixo da meta que é de 4,5%). Ele também crê na queda da taxa Selic para 9,25%. Mas, para que essas previsões se concretizem é fundamental a aprovação das reformas, em especial da Previdência. Estima, também, que o crédito para pessoas físicas melhore no segundo semestre para melhorar o quadro, cobra educação financeira da população.



Publicidade