Setor supermercadista brasileiro relaciona 20 coops gaúchas entre as maiores companhias

Publicado em: 15 dezembro - 2021

Leia todas


O setor supermercadista brasileiro ampliou a sua força e presença no território nacional. É o que apontam os números da 44ª edição do Ranking Abras 2021, que indica o faturamento do autosserviço nacional de R$ 554 bilhões em 2020, o que representa 7,5% do Produto Interno Bruto (PIB) nacional. E entre as maiores companhias do setor, destaque para 20 cooperativas que atuam em 14 regiões do Rio Grande do Sul.

O estudo Estrutura do Varejo, realizado pela NielsenIQ para a Revista SuperHiper, afirma que os supermercados das 20 cooperativas gaúchas registraram um faturamento bruto de R$ 1,85 bilhão em 2020, o que representa crescimento de 10% em relação ao ano anterior. As cooperativas relacionadas no Ranking Abras 2021 possuem 137 lojas e registraram no ano passado 740 check-outs nos caixas de atendimento, com geração de 113 novos empregos diretos, totalizando 5.230 funcionários.

Exemplo de sucesso

Um exemplo de sucesso vem do município de Harmonia, na região do Vale do Caí. A Cooperativa dos Suinocultores do Caí Superior, a Ouro do Sul, superou as adversidades e o impacto da pandemia da Covid-19 e faturou mais de R$ 42,2 milhões em 2020. O crescimento de 22,40% no faturamento fez com que a cooperativa conquistasse oito posições na classificação geral do Ranking Abras 2021.

Para o diretor da Ouro do Sul, Ronei Lauxen, a identificação das cooperativas com as comunidades onde atuam, adequando-se às características regionais, reflete na fidelização dos clientes. “Durante o período da pandemia verificamos mudanças nos hábitos de consumo, onde podemos destacar o setor de alimentação, com um aumento de casos de pessoas que passaram a se alimentar em casa. A fidelização de clientes e o aumento do consumo de alimentos em casa são fatores que contribuíram com o aumento no nosso faturamento”, afirma Lauxen.

Outro fator determinante no crescimento foram os investimentos realizados na reforma e atualização das lojas, que proporcionaram um ambiente mais moderno e um mix de produtos mais diversificado. A cooperativa reinaugurou no final de outubro de 2019 o estabelecimento em Salvador do Sul, em um investimento de R$ 3 milhões para a ampliação da loja, que resultou em um crescimento no faturamento de 40%.

Ranking Abras 2021

A pesquisa Ranking Abras/SuperHiper é elaborada pelo Departamento de Economia e Pesquisa da Associação Brasileira de Supermercados, em parceria com a Nielsen, e traz um panorama completo do setor supermercadista no Brasil. Elaborada há 44 anos, o estudo mostra o faturamento dos supermercados, participação das diversas seções nas vendas totais, número de empregos e expectativa de investimento. Além disso, a publicação apura também dados estruturais: espaço físico, formato de loja, entre outras informações.

Confira a relação das 20 cooperativas que figuram no Ranking Abras 2021:

107° – Cotripal (Panambi)

165° – Cooperativa Santa Clara (Carlos Barbosa)

167° – Cotrirosa (Santa Rosa)

174° – Cotrisal (Sarandi)

217° – Coopermil (Santa Rosa)

233° – Cooperativa Agrícola Cairú (Garibaldi)

235° – Cotrijal (Não-Me-Toque)

242° – Cotriel (Espumoso)

249° – Cotricampo (Campo Novo)

294° – Cooperativa Piá (Nova Petrópolis)

304° – Cotrisel (São Sepé)

305° – Cotribá (Ibirubá)

352° – Dália Alimentos (Encantado)

376° – Camnpal (Nova Palma)

377° – Cooperativa Ouro do Sul (Harmonia)

383° – Coagrisol (Soledade)

399° – Cooperativa Agrícola Mista Rio Branco (São Marcos)

487° – Cooperativa de Porto Xavier (Porto Xavier)

541° – Coagril (Chapada)

547° – Cooperativa Agrária São José (Jaguari)

Números dos Supermercados do Ranking Abras 2021:

Faturamento bruto = R$ 554 bilhões

Área de vendas = 22,8 milhões de metros quadrados

Número de lojas = 91.351 mil lojas

Número de check-outs = 235.741

Empregos diretos e indiretos = 3 milhões

Clique aqui para conferir o Ranking Abras 2021.


Fonte: Sistema Ocergs/Sescoop RS


Notícias Relacionadas:



Publicidade