Coop Story: concurso reconhece o papel das redes sociais na difusão do cooperativismo

Publicado em: 29 outubro - 2021

Leia todas


Comunicar-se bem é a chave para tudo. E esse fato tem sido cada vez mais discutido dentro do cooperativismo, que tem se utilizado do potencial das redes sociais para difundir ainda mais o movimento, e assim, alcançar mais pessoas, crescer em participação na sociedade e ampliar seu poder de fazer a diferença. 

Buscando reconhecer esse potencial das novas redes, o Sistema OCB/PE realizou em outubro a segunda edição do concurso Coop Story, que premiou através de voto popular os stories que melhor difundiram a proposta do concurso: comunicar o papel do cooperativismo na comunidade. 

Após receber 6 mil votos no ano passado, a edição desse ano do Coop Story reuniu 41.257 formulários que ajudaram a selecionar os vencedores nas categorias Infantil, Juvenil e Adulto. Ao longo de seis dias, o público pode escolher entre 14 stories escolhidos pela comissão julgadora, composta por Carolina Mussolini (blogueira do cooperativismo), Dimas Santos (gerente da Bezerros Coop Center e influencer) e Ana Suelen Troiano Vaz (Ex-Analista de Comunicação Visual do Sescoop Nacional). 

No último dia 29 de outubro, foram anunciados os nomes premiados:  Milca Oliveira Ferreira (Categoria Adulto), Rayanne Rafaelle Medeiros de Amorim Silva (Categoria Juvenil) e Isabela Cavalcante da Silva Marques (Categoria Infantil). As vencedoras do voto popular participarão de futuras peças publicitárias do Sistema OCB/GO. Além disso, os outros classificados da categoria Adulto receberam vagas no World Coop Management (WCM). 

Novas ferramentas 

Assim como outras iniciativas, o concurso Coop Story tem como objetivo mostrar como as redes sociais podem ajudam a expandir o cooperativismo. Através de vídeos, textos e imagens, as novas ferramentas disponíveis atualmente são novas formas de mostrar o que o movimento faz e quais os benefícios em se tornar um cooperado. 

Tal visibilidade, proporcionada por esses novos meios, já é reconhecida por várias vozes do movimento, incluindo o Presidente do Conselho de Administração da Sicredi Pernambucred e Coordenador da Comissão do Ramo Crédito, Luís Aureliano de Barros Correia. Para ele, o concurso é uma ótima via de disseminação dos valores e da missão do cooperativismo. “É uma forma de divulgar os benefícios e a força do cooperativismo para as pessoas e para as comunidades, também no Instagram. Através do Concurso, as pessoas podem fazer stories usando a criatividade para disseminação do cooperativismo de uma forma diferente”, destaca. 

Tão essencial para a expansão do movimento cooperativista, fazer a sociedade conhecer o que o setor pode trazer é uma das principais missões das cooperativas. Não apenas mostrar o que já foi realizado, mas também o que ainda pode feito, destacando todo o potencial que as cooperativas concentram. Para o presidente do Sistema OCB/PE, Malaquias Ancelmo de Oliveira, o concurso é uma ferramenta para alcançar a parte da sociedade que ainda não descobriu os benefícios do cooperativismo. “O Coop Story é uma oportunidade para disseminar o conhecimento sobre cooperativismo. É resultado dos processos de inovação voltados a motivar e incluir o público nas ações cooperativistas”, pontua. 

Vozes do cooperativismo 

Além de comunicar os benefícios e valores do cooperativismo, é preciso conquistar as diferentes gerações que ainda não conhecem as vantagens de fazer parte desse movimento. Por isso, neste ano o concurso Coop Story dividiu sua premiação em três categorias etárias, de forma a ouvir e dar voz para as diversas gerações que já possuem contato com o movimento. 

Para entender a opinião delas em relação ao cooperativismo, a MundoCoop conversou com as três ganhadoras das categorias Infantil, Juvenil e Adulto. Confira abaixo o que elas disseram! 

CATEGORIA INFANTIL 

ISABELA CAVALCANTE DA SILVA MARQUES (Feira Nova/PE) 

Story: Juntos Somos Mais Fortes 

Qual a inspiração para produzir o story que concorreu? 

A inspiração veio da história da minha cooperativa (COLÉGIO 3°MILÊNIO) que começou pequena, mas que vem crescendo devido a força e ao propósito dos professores que fazem parte da instituição. 

E qual a sua relação com o cooperativismo? 

Sou aluna da cooperativa e fiz parte de alguns projetos e apresentações do Cooperjovem, representando a cooperativa em alguns lugares. 

CATEGORIA ADULTO 

MILCA OLIVEIRA FERREIRA (Triunfo/PE) 

Qual sua inspiração para produzir o story que concorreu? 

Bom, eu sempre fui expectadora e consumidora de conteúdos digitais, porém nunca criadora dos mesmos. Vi no concurso a oportunidade de mostrar os ideias do Cooperativismo através das minhas vivências como colaboradora da COOPERATIVA DE EDUCADORES DA ESCOLA NOVA GERAÇÃO – COOENGE. O DIA DE COOPERAR, por exemplo, nos dá a oportunidade de transformar a vida das pessoas que mais precisam através de pequenas atitudes que pra nós tornam-se grandes quando o resultado final é o bem estar daqueles que estendemos as mãos. Fazemos o bem e em troca nos sentimos bem também. 

O que você mais gostou no processo do concurso?  

Acho que a própria criação dos conteúdos. Não foi simplesmente gravar um story, foi primeiramente estudar o Cooperativismo através do Podcast Minuto Cooperativo, foi transformar o estudo em algo criativo e educativo, foi ir atrás dos conteúdos mais populares e assim produzir um story rápido que transmitisse uma mensagem objetiva sem deixar de lado a criatividade e a modernidade dos novos tempos. Todo esse processo de criação e até a apreciação dos storys concorrentes foi riquíssimo. 

O que a participação representa para você?  

Representa a oportunidade de difundir o Cooperativismo, dando visibilidade aos princípios e valores cooperativistas, apresentando de uma forma leve a transformação de vida pessoal e profissional que o cooperar nos proporciona. 

O que é o cooperativismo para você? 

É uma filosofia que baseado em ideais comuns e na ajuda mútua, possibilita ao indivíduo transformar a sua vivência individual em coletiva, beneficiando a todos através da soma dos seus esforços. 

CATEGORIA JUVENIL 

Rayanne Rafaelle Medeiros de Amorim Silva (Barreiros/PE) 

Story: Valores Humanos do Cooperativismo 

Qual sua inspiração para produzir o story que concorreu? 

Minha inspiração veio do fato de já ser uma jovem ligada a coletividade e em ações que ajudam o próximo e acreditar que ninguém chega ao topo sozinho!  

O que você mais gostou no processo do concurso?  

A organização do concurso. Foi e está sendo uma experiência incrível ter concorrido com outros jovens!  

O que a participação representa para você?  

Representa estar por dentro de um assunto tão importante como o cooperativismo, em todas as áreas, mostrar ao público o potencial que esse segmento pode levar a sociedade e para os jovens também!  

O que é o cooperativismo para você? 

Para mim, é a união de pessoas com interesses em comum que buscam também satisfazer aspirações e necessidades. Considero um movimento moderno baseado em princípio e valores que se fortalece pelas pessoas 


Por Redação MundoCoop



Publicidade