Cooperativa de Palmeira investe em ‘carneiros hidráulicos’

Publicado em: 24 janeiro - 2017

Leia todas


Equipamento vai levar água para famílias de pequenos produtores rurais

Com 37 anos de atividades, a Cooperativa Agropecuária de Palmeira dos Índios  (Carpil) em parceria com o Governo de Alagoas, por meio da Secretaria de Estado da Agricultura   (Seagri) e SRA/SEAD, realizaram um Dia de Campo pata formação de equipe de técnicos para a construção de carneiros hidráulicos.

O equipamento consite num mecanismo que usa diferenças de pressão para bombear água. O carneiro hidráulico aproveita a energia de um fluxo de água para elevar a coluna do líquido.

Ele tem esse nome em referência à Aríete, antiga arma medieval usada para arrombar portões de castelos, muralhas e fortalezas.

Possuía geralmente uma cabeça em forma de carneiro e o bater do pistão do carneiro hidráulico lembra a batida da aríete. Seu rendimento é pequeno, tendo como vantagens um custo baixo de instalação e quase nulo o de operação. Como não precisa de uma fonte externa de energia, o carneiro pode funcionar indefinidamente a partir do momento da instalação, desde que permaneça expressivo o volume da água corrente. É utilizado principalmente para irrigação na agricultura.

Segundo o presidente da cooperativa, Luciano Monteiro, a iniciativa tem como propósito levar água para as casas de famílias de pequenos produtores rurais e beneficiárias do PNCF sem gastar energia elétrica.

Além disso, o projeto vai implantar quintais produtivos com o uso da tecnologia da irrigação.

A Carpil tem atualmente 1.642 cooperados, 38 cooperados técnicos , engenheiros agrônomos, veterinários e zootecnista.

 
Fonte: Tribuna Hoje  – texto de Davi Salsa



Publicidade