Presidentes de cooperativas e de unidades estaduais ampliam conhecimento sobre estratégias de negócio

Publicado em: 22 junho - 2016

Leia todas


Capacitação é promovida pelo Sescoop/PR e comprova a importância do alinhamento entre eventos como esse e o planejamento estratégico das instituições cooperativistas

Começou hoje em Curitiba, o Programa de Desenvolvimento de Presidentes, que conta com a participação de 34 dirigentes de cooperativas do estado do Paraná e de organizações estaduais, além do superintendente do Sistema OCB, Renato Nobile. O evento, que prosseguirá até sexta-feira (24/6), e tem como foco a liderança estratégica, é promovido pelo Sescoop/PR, em parceria com o Sebrae/PR. O curso é ministrado por professores da Universidade de Babson, instituição norte-americana referência internacional em educação voltada a negócios e empreendimentos.

O Programa de Desenvolvimento foi aberto pelo presidente do Sistema Ocepar, José Roberto Ricken, que ressaltou a importância de eventos de aprimoramento direcionados aos dirigentes do cooperativismo. “A função de um presidente é liderar um grande projeto e, para isso, não podemos improvisar: precisamos estar preparados e ter condições efetivas de liderança”, afirmou.

“Para aprimorar os líderes do cooperativismo paranaense fomos em busca de uma universidade que é considerada uma das melhores do mundo em educação para negócios”, enfatizou. O dirigente também fez uma explanação sobre o PRC 100 (Paraná Cooperativo 100), o planejamento estratégico para o cooperativismo do Paraná.

RESPONSABILIDADE – O dirigente da Ocepar explicou que o curso da Babson voltado aos presidentes faz parte de uma estratégia de desenvolvimento do cooperativismo do Paraná. “Atualmente, 14 cooperativas paranaenses possuem faturamento anual superior a R$ 1 bilhão e, em mais de 100 municípios do estado as cooperativas são os maiores empreendimentos e os principais geradores de empregos e impostos. Percebam a responsabilidade que temos na gestão dos empreendimentos cooperativos”, observou Ricken.

O presidente agradeceu ao Sebrae/PR pela parceria e destacou a presença do superintendente do Sistema OCB, Renato Nobile, e dos presidentes das organizações estaduais: João Nicédio Alves Nogueira (CE), Onofre Cesário de Souza Filho (MT) e Petrucio Magalhães Júnior (OCB/AM).

Esse programa especial para presidentes foi discutido na nossa reunião de diretoria da OCB, na qual sou representante da Região Sul. O objetivo é que possamos, de acordo com a avaliação dos participantes do curso, sugeri-lo para outros estados e até mesmo para a própria OCB. Teremos certamente uma semana de muita aprendizagem e conhecimento”, concluiu. Também acompanharam a abertura do evento, os superintendentes do Sescoop/PR e da Ocepar, respectivamente, Leonardo Boesche e Robson Mafioletti.

OCB – O superintendente do Sistema OCB, Renato Nobile, que participa do curso ao longo desta semana, explica que, além da expectativa de aprendizado sobre liderança sustentável, é fundamental ampliar o olhar sobre as possibilidades de negócio e, assim, tornar o cooperativismo uma referência, ainda maior, no que diz respeito a resultados não só econômicos, mas sociais. Nobile reforçou, ainda, a importância de ações de capacitação vinculadas aos objetivos do planejamento estratégico das organizações estaduais do Sistema OCB.

Um excelente exemplo foi o que vimos hoje durante a abertura do curso: o presidente do Sistema Ocepar, José Roberto Ricken, explanou sobre a conexão do Paraná Cooperativo 100 (PRC 100), plano estratégico que tem como meta elevar a movimentação do cooperativismo paranaense para R$ 100 bilhões, nos próximos cinco anos, com o conteúdo do curso que estamos tendo”, comenta o superintendente. Nobile ressaltou que o presidente explicou a necessidade de os dirigentes das cooperativas do Paraná estarem preparados para contribuírem com o objetivo do PCR 100 bilhões até 2020.

SEBRAE/PR – Na opinião da coordenadora da Unidade de Ambiente de Negócios Liderança e Educação Empreendedora do Sebrae/PR, Rosângela Angonese, a parceria com o Sescoop/PR tem sido positiva e um curso como o ministrado pelos professores da Babson pode ter impacto muito favorável à gestão de empreendimentos que tanto representam para o Paraná em empregos e desenvolvimento. “Espero que essa semana de aprendizagem traga insights e informações importantes a todos, auxiliando os líderes para que as cooperativas possam obter ainda mais resultados e, por consequência, maiores benefícios a toda a sociedade”, afirmou.

QUESTIONAMENTOS – A diretora de educação de negócios da Universidade de Babson, Alecia Gisela Lókpes, enfatizou a necessidade de pensarmos sobre o que somos e o que buscamos para o cooperativismo. Ela ressaltou também o quão importante é agir e que a liderança não acontece apenas por atitudes individuais. “Sem ação, nada acontece. Somente com ações é que podemos mudar o mundo. Porém, um ponto importante é que não se trata de uma ação solitária, mas precisamos nos comunicar, ter uma conexão e dividir ações e atitudes”, disse.

Milhares de pessoas dependem das decisões dos líderes. Por isso é importante que façamos perguntas essenciais: O que pensamos sobre nós? O que o sucesso significa para nós? O que consideramos habilidades em um líder? Como cooperamos e de que forma geramos confiança? Para isso estaremos aqui, juntos, tentando descobrir nessa semana de estudos”, conclui. (Fonte: Assessoria de Imprensa do Sistema Ocepar)