Cooperativa de mulheres artesãs recicla 1 tonelada de plástico por mês

Publicado em: 26 outubro - 2021

Leia todas


Uma cooperativa criou um projeto de reciclagem criativa só com mulheres no Recife (PE). Elas são responsáveis pela triagem, confecção e oferta de peças produzidas a partir de resíduos sólidos. Atualmente, a Cooperativa Palha de Arroz é administrada por 18 mulheres de comunidades e retira em média uma tonelada de plástico do meio ambiente por mês.

Com o início do projeto Reciclagem Criativa, as mulheres da cooperativa começaram a produzir 200 itens mensalmente. Elas usam embalagens de detergente, de shampoo e de sabão líquido, que se transformam em lixeiras, cestas, porta-lápis, fruteiras, porta-pães e jarros, entre outros objetos.

As peças ficam disponíveis na loja virtual da Palha de Arroz e custam em média R$ 15. Tudo é produzido graças a duas máquinas específicas para o trabalho que foram doadas pela gestão municipal. O grupo opera em parceria com a Prefeitura do Recife. Todos os resíduos manuseados pela equipe vêm da Emlurb (Autarquia de Manutenção e Limpeza Urbana).

O espaço, inaugurado em 2016, já fazia um trabalho de reciclagem, mas, segundo a organização, percebeu que havia como ajudar mais o meio ambiente e ainda gerar um recurso extra para as recicladoras.

As mulheres, a maioria delas residente em bairros da zona norte do Recife, passaram por treinamento para aprimorar o manuseio dos materiais e técnicas de produção.

Ana Cláudia Ribeiro, 44 anos, é uma delas. Atualmente coordenadora da Palha de Arroz, ela contou a Ecoa que participa das ações há cinco anos.

“O treinamento mostra como lavar, cortar e colocar os recicláveis nas máquinas. Esse projeto deu uma melhorada nas nossas vidas porque está entrando um dinheirinho extra. Estamos sempre nos atualizando na nossa abordagem de proteção ao meio ambiente. Somos privilegiadas por ter essa oportunidade”, explicou.

Os itens a serem confeccionados são definidos em comum acordo. Segundo Ana Cláudia, o consenso é produzir peças que tenham muita utilidade. Definido isso, é mãos à obra.

“Recebemos muitos pedidos também. Então, fomos percebendo o que mais interessava as pessoas e focamos na produção dos itens mais procurados”, disse.

Renda cresceu com parceria

A Cooperativa Palha de Arroz vem desde 2016 fazendo o trabalho de separação e tratamento de resíduos sólidos. No ano passado, no entanto, as coordenadoras conheceram o projeto Recicla Mais, que possibilitou aumentar a renda com a criação dos produtos.

O Recicla Mais é uma iniciativa da Prefeitura do Recife que ajuda comunidades a conseguir renda extra por meio do recolhimento e separação do lixo da cidade.

Procurada pela reportagem, a gestão municipal informou que a Secretaria da Mulher iniciou o trabalho de acompanhamento e assessoramento permanente da Cooperativa Palha de Arroz.

A parceria rendeu ao grupo vários processos de formação e capacitação. O objetivo do trabalho, apontou a pasta municipal, é empoderar as mulheres e também fortalecer e aprimorar a gestão da cooperativa.

“Para a Reciclagem Criativa do plástico, as cooperadas participaram de um curso técnico específico voltado para o manuseio correto das máquinas e desenvolvimento da criatividade na confecção de objetos, explorando todas as possibilidades oferecidas pelo equipamento”, disse a secretaria em nota.

O órgão acrescentou que a cooperação com as mulheres da Palha de Arroz visa maior valorização do trabalho prestado pela cooperativa no que diz respeito à destinação ambientalmente adequada de resíduos sólidos.

Além disso, continuou, o desenvolvimento de novas habilidades, a criação de novas oportunidades de geração de renda e a inclusão social também são aspectos considerados ao longo da execução do projeto.


Fonte: ECOA Uol


Notícias Relacionadas:



Publicidade