Emater integra rede de incentivo ao fortalecimento do cooperativismo no setor agropecuário

Publicado em: 18 junho - 2022

Leia todas


O Protocolo de Intenções assinado no II Seminário Internacional do Cooperativismo Agropecuário Paraense prioriza o desenvolvimento da agricultura familiar

Um Protocolo de Intenções voltado ao fortalecimento do movimento cooperativista no Pará no ramo agropecuário, priorizando o desenvolvimento da agricultura familiar, foi assinado nesta terça-feira (14) por representantes da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural (Emater), Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico, Mineração e Energia (Sedeme), Instituto Federal do Pará (IFPA), Universidade Federal Rural da Amazônia (Ufra), Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) e Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa).

O ato administrativo ocorreu durante a abertura do II Seminário Internacional do Cooperativismo Agropecuário Paraense, promovido pelo Sistema OCB-Pará (Organização das Cooperativas Brasileiras no Estado do Pará)/Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo no Estado do Pará.

“Como assistência técnica e extensão rural, fortalecemos as organizações sociais do setor agropecuário, e especialmente da agricultura familiar. Temos um importante papel no apoio ao trabalho cooperado e associado no Pará, com a elaboração e emissão da Declaração de Aptidão ao Programa Nacional de Fortalecimento à Agricultura Familiar, as DAPs jurídicas”, informou o presidente da Emater, Rosival Possidônio. 

A Associação de Agricultores Familiares Moradores de Primavera, da Agrovila Primavera, distante 25 km da sede do município de Igarapé-Açu, no nordeste paraense, representa 42 famílias que se dedicam ao cultivo de hortaliça, frutas e mandioca. Com assessoria da Emater, a entidade obteve Declaração de Aptidão ao Programa Nacional de Fortalecimento à Agricultura Familiar (DAP/Pronaf), no modelo jurídico, e conseguiu acessar o Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), em 2021, e a inserção ao Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE) neste ano.

Aumento da renda – “Desde os primeiros passos, nós contamos com a assistência da Emater, através da assessoria para a organização social da Associação, e ainda para ingressar em políticas públicas, como o PAA e PNAE, que asseguram um acréscimo de 40% na renda familiar de cada produtor. Outro ponto importante é que, no ano passado, fomos a primeira associação no município a comercializar produtos para a Conab (Companhia Nacional de Abastecimento), com o apoio dos técnicos da Emater”, destacou o presidente da Associação, Dione Teixeira Carrera.

“Agradecemos a participação da Emater neste evento, que para o cooperativismo é um divisor de águas. Reunimos os principais entes que regulam e fomentam o desenvolvimento da agropecuária no Estado, em especial dos produtores organizados em cooperativas. Faremos o levantamento das demandas e, conforme a aptidão de cada entidade, vamos construir um plano de trabalho conjunto e efetivo”, disse o presidente do Sistema OCB/PA, Ernandes Raiol.

No Programa de Assistência Técnica e Extensão Rural (Proater) para 2022, instrumento de gestão da empresa, está previsto o atendimento para 976 organizações sociais, entre cooperativas, sindicatos, colônias de pescadores e associações, pelas equipes dos 12 Escritórios Regionais da Emater (Altamira, Capanema, Castanhal, Conceição do Araguaia, Ilhas, Marabá, Marajó, Médio Amazonas, Santarém, São Miguel do Guamá, Tapajós e Tocantins).


Fonte: Por Governo do Pará (SECOM) / Paula Portilho – Ascom/Emater


Notícias Relacionadas



Publicidade