Instituto Sicoob promove prática de atividade física em comunidades carentes da capital carioca

Publicado em: 08 fevereiro - 2022

Leia todas


Moradores do bairro Acari e do arredor do Parque Madureira participam de aulas gratuitas de ginástica e hidroginástica

O Instituto Sicoob, no Rio de Janeiro, fez parceria com o Instituto Nacional de Desenvolvimento Humano (INADH), na capital carioca, para promover a prática regular de atividades físicas entre moradores, acima de 40 anos, do Complexo do Acari e do arredor do Parque Madureira Mestre Monarco. No projeto Ativa Idade, os alunos participam de aulas de ginástica, treinamento funcional, caminhada e hidroginástica (esta modalidade apenas no Acari, em espaço cedido pela Associação de Moradores). O Instituto Sicoob faz parte de uma das maiores instituições do setor de cooperativismo financeiro no país.

“Estamos atendendo 240 pessoas, com três turmas em cada local. Com essa iniciativa, estamos incentivando a prática de atividades físicas em bairros de populações carentes e, assim, contribuímos para que esses moradores tenham melhor saúde e qualidade de vida”, afirma Silvana Lemos, coordenadora do Instituto Sicoob, no Rio de Janeiro.

Adenilson Telles, Coordenador de Projetos Sociais do INADH (https://www.inadh.org.br/inadh_rio/), comenta que os professores são profissionais de educação física moradores das áreas onde acontece o projeto Ativa Idade. É uma forma, segundo ele, de valorizar a mão de obra dessas comunidades. Na prática dos exercícios, os professores consideram os níveis de condicionamento de cada aluno. O objetivo é melhorar a capacidade aeróbica, a resistência, a força muscular e a flexibilidade, entre outros benefícios.

“Na inscrição dos alunos, solicitamos o Certificado Nacional de Vacinação COVID- atualizado, o atestado médico com apto para a prática de atividades físicas do projeto e o preenchimento da ficha com histórico clínico (anamnese). Em cada polo temos profissional técnico em enfermagem para assistir os participantes, e eles fazem controle da pressão arterial, glicemia e, se necessário, primeiros socorros” – esclarece Telles, um dos líderes do programa, com Rosely Soares, Sasha Cristina e Jubdervan Menezes na equipe técnica.

No estado do Rio de Janeiro, o Sicoob está presente nos 92 municípios, sendo representado pelo   Sicoob Central Rio (https://www.sicoob.com.br/web/sicoobcentralrio), organização que coordena o Sicoob Rio; que reúne as cooperativas Sicoob Cecremef, Sicoob Coomperj, Sicoob Coopjustiça, Sicoob Coopvale, Sicoob Empresas RJ, Sicoob Fluminense e Sicoob Servidores.

O cooperativismo financeiro oferece a pessoas físicas e jurídicas os mesmos produtos e serviços do setor bancário, porém com o intuito de fomentar o desenvolvimento social e a justiça financeira dos seus associados e de suas comunidades.

 No Sicoob, os cooperados são donos, participam das decisões e dos resultados em uma organização administrada democraticamente, possibilitando a todos excelentes taxas, rendimentos maiores e o recebimento das sobras líquidas apuradas ao término de cada período. Os depósitos nas cooperativas contam com a proteção do Fundo Garantidor do Cooperativismo de Crédito, o FGCoop.

Desde o começo da pandemia, em 2020, cooperativas do Sicoob em todo o país têm concedido empréstimos emergenciais com taxas acessíveis e favoráveis aos empresários. Em 2021, cooperativas filiadas à instituição ofereceram crédito via Fundo de Aval às Micro e Pequenas Empresas (Fampe) do Sebrae, Pronampe e com recursos próprios. No Rio o Sicoob é parceiro da prefeitura carioca no programa Crédito Carioca. E disponibiliza a linha de crédito Energize, com condições acessíveis para projetos de energia renovável e outras iniciativas com foco em sustentabilidade.


Fonte: PROA Comunicação Estratégica


Notícias Relacionadas:



Publicidade